31/07/2015 18h22 - Atualizado em 31/07/2015 18h22

Monitoramento da PM aponta redução de 30% da criminalidade em Três Lagoas

Funcionando há menos de um mês, a central de monitoramento ativamente tem coibido crimes e identificado suspeitos e autores de roubos e crimes

 
Fábio Jorge
 
Os 35 pontos são monitorados 24 horas por dia (foto: Perfil News) Os 35 pontos são monitorados 24 horas por dia (foto: Perfil News)

Num comparativo apresentado pelo comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar de Três Lagoas, Tenente-Coronel Wilson Sérgio Monari, no mês de julho houve uma satisfatória redução da criminalidade da cidade, se comparado a junho.

De acordo o militar, de junho para julho, houve uma diminuição de 30% de furtos e roubos, em contrapartida do aumento de 34% em prisões pelos mesmos crimes. Monari atribui esses números à instalação das câmeras de monitoramento em 35 pontos do município. “Antes da inauguração, as câmeras estavam operando em caráter de teste e, durante estes dias, conseguimos identificar vários delitos e prender meliantes em flagrante. Após a inauguração, a fiscalização foi maior e as ocorrências diminuíram significativamente”, considerou o comandante.

COMÉRCIO CENTRAL TRANQUILO

Com a ativação do monitoramento, comerciantes, empregados e frequentadores da área central de Três Lagoas estão respirando maior segurança, já que as abordagens têm sido frequentes em ocasiões suspeitas. Ao Perfil News, Monari disse ainda que a presença das câmeras, com certeza, inibiu a ação de bandidos que agiam no centro, inclusive, pela queda de registros de roubos e furtos.


 
Comandante Monari explica o funcionamento dos equipamentos na central de sistema (foto: Perfil News) Comandante Monari explica o funcionamento dos equipamentos na central de sistema (foto: Perfil News)

POSTES DESTRUÍDOS EM ACIDENTE

Nesta semana, dois postes com câmeras foram derrubados por veículos grandes e pesados, quando os condutores tentavam conversão. O primeiro aconteceu no cruzamento da Avenida Ranulpho Marques Leal com a Rua Egidio Thomé, quando uma carreta acabou derrubando o poste com a lateral do veículo.

O segundo aconteceu no ponto fixado entre as ruas Yamaguti Kankit e Irmãos Cameschi, no bairro São Carlos, quando uma retro escavadeira atingiu o poste, que não caiu, mas teve de ser retirado por estar com a estrutura comprometida.

Em ambos os casos, os veículos possuem seguros e as empresas já acionaram a seguradora que vai arcar com as despesas. Otimista, o comandante espera que em até 20 dias, os pilares estejam fixados e os pontos novamente monitorados.

COMPROMETIMENTO COM A SEGURANÇA

As imagens em tempo real permitem maior agilidade por parte das guarnições policiais que, segundo Monari, já efetuaram prisões de bandidos ainda no local do crime. Outro fator que fortalece o combate ao crime é a comunicação entre a base operacional e as viaturas nas ruas. “Quando um monitor identifica algo suspeito, logo comunica à guarnição mais próxima do local e com a abordagem, consegue-se inibir futuras ações e mostrar à sociedade que a polícia está comprometida com a segurança e ordem três-lagoense”, finalizou o Tenente-Coronel.

Seja o primeiro a comentar!

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.