06/07/2017 16h15

Além de terem uma aparência descuidada, falta de higiene com seus corpos e armaduras

Da Redação

Você certamente já assistiu a algum filme medieval, com belos atores e atrizes desfilando de forma linda em seus trajes e armaduras, correto?

Apesar do romantismo que se atribui à época medieval, bem sabemos que a conhecida “Idade das Trevas” foi um período realmente conturbado e, diga-se de passagem, muito diferente do que vemos nas telinhas.

Estes cinco fatos incrivelmente nojentos sobre os cavaleiros medievais irão lhe provar isso – talvez seu sonho de voltar no tempo seja afetado após conhecer a realidade por trás das bonitas armaduras. Veja a seguir:

5. Os cavaleiros faziam as necessidades dentro da própria armadura

Raras eram as oportunidades dos cavaleiros tomarem banho ou usar o banheiro. Por isso, eles faziam as necessidades na própria armadura, e a armadura também poderia conter sangue deles mesmos ou dos adversários derrotados, além de pedaços de pele.

Suas aparências eram totalmente descuidadas, além de ferimentos por todo lado sua pele exalava um fedor intenso.

4. As condições de higiene eram péssimas

As barbas e os dentes dos cavaleiros eram terrivelmente imundos e, além de pedaços de comida estragada ser encontrado em ambos, os homens tinham os dentes partidos e quebrados, muitos deles chegavam a perder todos os dentes antes mesmo dos 30 anos.

3. Relações sexuais violentas

A imagem do cavaleiro galã que conquista o coração de uma donzela passa muito longe da realidade: os cavaleiros conseguiam sexo depois de serem vitoriosos em batalhas, porém violentando garotas (especialmente virgens) das vilas ou das tribos inimigas.

2. Casamento forçado

Caso um cavaleiro tivesse interesse em se casar com uma donzela, ele mesmo poderia fazê-lo e tinha o direito legal para isso. Se a família fosse contra, ele deveria lutar com espada e derrotar ou o pai ou o irmão da mulher para tomá-la como esposa.

1. Hábitos fora do comum

Além de terem uma aparência descuidada, falta de higiene com seus corpos e armaduras, também tinham hábitos similares aos dos selvagens e bárbaros, com a diferença de suas alturas, cujas armaduras encontradas revelam que os cavaleiros provavelmente teriam de 1,50 m a 1,60 m.

Os cavaleiros medievais não tinham casas de banho especial para eles e deixava sua higiene a desejar.

(*) Mistérios do Mundo

Comentários