24.3 C
Três Lagoas
quinta-feira, 27 de janeiro, 2022
InícioColunistasCaldeirão do BolsãoA Polícia Militar de Três Lagoas está atenta, a tudo e a...

A Polícia Militar de Três Lagoas está atenta, a tudo e a todos

27/12/2010 13h11 – Atualizado em 27/12/2010 13h11

A PM de Três Lagoas está atenta

várias viaturas percorrendo área central da cidade

Caldeirão do Bolsão

EXCLUSIVIDADE

O presidente da Câmara de Três Lagoas, Fernando Milan (PMDB), falou com exclusividade ao Caldeirão sobre os últimos acontecimentos que quase rachou a base de sustentação da prefeita Márcia Moura (PMDB), no legislativo. Ele disse que em nenhum instante tentou engessar a administração. “Isso não existe, votei por que acho que 5% é uma margem segura para trabalhar e quando a prefeitura necessitar de mais remanejamento, vamos votar favoravelmente, desde que a tal procedimento seja bom para o município”.

CONSTRANGIMENTO

Sobre a amizade com o deputado eleito, Eduardo Rocha (PMDB) e sua esposa Simone Tebet (PMDB), que a partir de janeiro ela assume a vice-governadoria, ele disse que ainda não os procurou para conversar por que toda essa situação o deixou constrangido. “Não tenho nada contra ninguém e sou o que sou hoje, devo a eles, Simone e Eduardo Rocha”.

POSIÇÃO MANTIDA

Quanto ao grupo de oposição, ele disse que jamais fará oposição a prefeita Márcia Moura. Ele afirmou que se ela disputar a reeleição terá o seu apoio. Mas quanto ao orçamento manterá sua posição inicial, que limita em 5% a verba de remanejamento do orçamento.

AO VIVO

O deputado eleito Eduardo Rocha (PMDB) estará nesta terça-feira, 28, no estúdio da TV Perfil. A entrevista será transmitida ao vivo pela TV Perfil, devendo ser iniciada às 09 horas. Para assistir a entrevista, é só acessar o endereço: www.tvperfil.com.br.

SEM OS NÚMEROS

A prefeita Márcia Moura (PMDB) possivelmente irá participar ainda nesse ano do quadro de entrevista da TV Perfil. Ela ainda só não o fez, por que precisa se embasar de números da administração.

INVESTIMENTOS

Segundo informou a presidente da Bracelpa (Associação Brasileira de Celulose e Papel), Elizabeth de Carvalhaes, o cenário para o setor é positivo. As indústrias prevêem investimentos na ordem de R$ 20 bilhões até 2020. Partes dos recursos serão investidos em Três Lagoas.

COLETIVA

O titular do Caldeirão participou da entrevista coletiva da Abracelpa que aconteceu em São Paulo na primeira quinzena de dezembro. Na oportunidade estiveram presentes jornalistas de várias regiões do país, onde estão concentradas as indústrias de papel e celulose.

BOLA DA VEZ

Na opinião da presidente da Abracelpa, Três Lagoas, por estar situada em uma região privilegiada, dotada de infra-estrutura de escoamento da produção, será a bola da vez para o setor de papel e celulose.

NOVA REALIDADE

Indagada se o avanço das florestas não iria prejudicar a atividade de pecuária na região, ela disse que essa é a nova realidade e que os pecuaristas devem se organizar para formar consórcio silvipastoril, para não perder espaço para a nova atividade comercial.

PARCERIAS

Os pecuaristas podem agregar duas atividades em suas propriedades, a pecuária e a plantação de eucaliptos. Para isso, tem que se organizarem com os sindicatos e buscar parcerias com as indústrias.

CONCESSÃO CONCEDIDA

Por sete votos a favor e três contra, a Sanesul terá mais 30 anos de contrato com a prefeitura de Três Lagoas. Os vereadores, que votaram favoravelmente alegaram não serem a favor da empresa. Só o fizeram, por confiarem na ex-prefeita, e vice-governadora eleita, Simone Tebet, que durante as audiências realizadas, comprometeu-se fiscalizar a empresa de saneamento.

FISCAL

Diante disso, Simone Tebet, além dos afazeres do cargo de vice-governadora, terá também uma missão. Fiscalizar a execução do contrato, item, por item.

FORÇAS OCULTAS

Votaram contra a renovação do contrato os vereadores, Ângelo Guerreiro (PDT), Jorge Martinho (PMDB) e Idevaldo Claudino (PT). Enquanto, os demais, Fernando Milan (PMDB), Tonhão (PPS), Vera Helena (PMDB), Jorginho do Gás (PSDB). Professor Nuna (PMDB), Marisa Rocha (PSB) e Celso Yamaguti (DEM) votaram a favor. O destaque foi Celso Yamaguti, que era contra, mas no último minuto do segundo tempo, reavaliou seu posicionamento, votando favorável ao contrato. Forças ocultas deve ser a explicação para tal procedimento.

ATENTOS

A Polícia Militar de Três Lagoas está atenta, a tudo e a todos. Na noite de Natal, por exemplo, foi possível ver várias viaturas percorrendo área central da cidade. Além disso, policiais de motocicletas e a pé faziam a ronda na Praça Ramez Tebet.

APROVAÇÃO

Esse procedimento é elogiável. Pelo jeito a população aprovou o trabalho dos militares, já que centenas de pessoas passeavam pela praça, apreciando a iluminação natalina, enquanto as crianças se divertiam brincando no parquinho da praça.

COISA DO PASSADO

Antigamente esse comportamento era impossível, já que a Praça servia de ponto de encontro dos desocupados, meliantes e menores infratores. Agora, felizmente, isso é coisa do passado.

VIA CRUCIS

Relatos de passageiros que viajaram no dia 22 passado em um ônibus da Viação São Luiz, entre Cuiabá e Três Lagoas, disseram que o trajeto de 1.100 quilômetros parecia uma “via crucis”. Vendas de passagens em duplicidade; atrasos, brigas e discussões entre outros entreveros fizeram parte do roteiro da viagem. Com a palavra, a direção da empresa.

CONFRATERNIZAÇÃO

Funcionários da Câmara de Três Lagoas reuniram-se na sexta-feira, para confraternização de fim de ano na chácara do Birola. Quem deu o ar da graça, foi o vereador Tonhão, que mais uma vez aproveitou para soltar a voz ao som da dupla, Milionário e José Rico.

AUSENTES

Embora os vereadores foram convidados, alguns não prestigiaram a festa, dos quais; Milan, Vera Helena, Mariza Rocha, Ângelo Guerreiro e Idevaldo Claudino.

GESTÃO MILAN

Falando e Câmara, não pode deixar de mencionar a gestão de Fernando Milan. Através de contenção de despesas, foi possível fazer a devolução de R$ 3,6 mil à prefeitura durante os dois anos no comando da Mesa Diretora. No ano passado, foram economizados R$ 2.706.407,43, desses, R$ 1,6 milhão não entrou no caixa do legislativo, por causa da diminuição de 1.5% no duodécimo.

SEDE PRÓPRIA

No mesmo ano, foram repassados R$ 500 mil reais à APAE, que foram investidos na construção da sede própria, R$ 58.712,20 para aquisição de duas viaturas para atender a segurança pública. Ainda no mesmo período foi devolvido à prefeitura um cheque no valor de R$ 516,00 mil.

DEVOLUÇÃO

No fechamento de 2010, Fernando Milan, juntamente com os vereadores, Celso Yamaguti, Jorge Martinho, Jorginho do Gás, Tonhão, Nuna Viana e Vera Helena fizeram a entrega simbólica de um cheque de R$ 939.556,32, à prefeita Márcia Moura. O valor é referente aos recursos economizados pelo Legislativo no ano de 2010. O ato ocorreu na manhã desta quinta-feira (23), no plenário da Casa de Leis.

ÍNDICE

Na oportunidade, Milan ressaltou que a economia neste ano foi menor do quem em 2009, por conta da redução do duodécimo, cujo índice passou de 8% para 7%, de 2009 para 2010.

FEIJÃO COM ARROZ

Milan disse que fez uma administração “arroz com feijão” e que sente o dever cumprido. Ele também desejou êxito ao vereador professor Nuna Viana, eleito o novo presidente da Câmara, lembrando que nos próximos anos a Mesa Diretora terá como desafios construir novos gabinetes para mais sete vereadores que passarão a compor a Casa, a partir da próxima eleição.

DISTRIBUIÇÃO

Neste sentido, os vereadores propuseram a seguinte distribuição do recurso entregue: 10% para ajudar na estruturação da Defesa Civil; 40% para ajudar na construção do Hospital do Câncer de Três Lagoas; e 50% para a construção de um barracão no presídio semi-aberto da cidade.

Comentários
MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.