10/03/2018 14h11

Remuneração básica inicial para o cargo de Soldado PM de 2ª Classe é de R$ 3.049,41 (três mil e quarenta e nove reais e quarenta e um centavos)

Redação

A Polícia Militar do Estado de São Paulo divulgou no Diário Oficial do Estado deste sábado, 10 de março, o edital de concurso público (Concurso PM Soldado) para preencher nada menos que 2.700 vagas no cargo de Soldado PM de 2ª Classe do Quadro de Praças de nível médio. A Fundação Vunesp, organizadora dos últimos editais da PM/SP, coordena o certame.

A abertura do concurso público da PM/SP foi autorizada pelo Despacho do Governador do Estado de São Paulo publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nº 240, do dia 27 de dezembro do ano passado. Não haverá reserva de vagas para pessoas com deficiência, tendo em vista as peculiaridades do exercício das funções policiais militares inerentes ao cargo.

Inscrição Concurso PM SP Soldado 2018

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 10 horas do dia 22 de março e 23 horas e 59 minutos do dia 19 de abril de 2018, no endereço eletrônico oficial da organizadora do concurso (www.vunesp.com.br). A taxa de inscrição custará R$50,00.

Ao efetivar inscrição no concurso, o candidato deverá escolher as seguintes cidades para realização da prova escrita:

• Araçatuba

• Bauru

• Campinas

• Piracicaba

• Presidente Prudente

• Ribeirão Preto

• Santos

• São José do Rio Preto

• São José dos Campos

• São Paulo

• Sorocaba

Requisitos do Concurso PM SP Soldado 2018/2019

São requisitos para a inscrição no concurso público: ser brasileiro; ter idade mínima de 17 (dezessete) anos; ter idade máxima de 30 (trinta) anos; ter estatura mínima, descalço e descoberto, de: 1,55 m (cento e cinquenta e cinco centímetros), se mulher; 1,60m (cento e sessenta centímetros), se homem; e haver recolhido a taxa de inscrição prevista neste Edital.

São condições para posse no cargo: possuir aptidão física compatível com o exercício do cargo; possuir higidez física e mental; possuir perfil psicológico compatível com o exercício do cargo; estar quite com as obrigações eleitorais; estar quite com as obrigações militares, se do sexo masculino; se militar, estar enquadrado pelo menos no comportamento disciplinar “bom” ou equivalente, e não ter cometido, nos 2 (dois) últimos anos, transgressão disciplinar classificada como “grave” ou equivalente; ter concluído o ensino médio ou equivalente; ser habilitado para condução de veículo motorizado entre as categorias “B” e “E”; ter boa conduta social, reputação e idoneidade ilibadas; se ex-integrante das Forças Armadas ou de Força Auxiliar, não ter sido demitido “ex officio” por ter sido declarado indigno para o oficialato ou com ele incompatível, excluído ou licenciado a bem da disciplina, salvo em caso de reabilitação; não ter sido, nos últimos 5 (cinco) anos na forma da legislação vigente: responsabilizado por ato lesivo ao patrimônio público de qualquer esfera de governo em processo disciplinar administrativo, do qual não caiba mais recurso, contado o prazo a partir da data do cumprimento da sanção; e condenado em processo criminal transitado em julgado, contado o prazo a partir da data do cumprimento da pena.

Salários e Benefícios do Concurso PM SP Soldado 2018/2019

A remuneração básica inicial para o cargo de Soldado PM de 2ª Classe é de R$ 3.049,41 (três mil e quarenta e nove reais e quarenta e um centavos), sendo que as parcelas que a compõem são: padrão no valor de R$ 1.178,88 (mil, cento e setenta e oito reais e oitenta e oito centavos), Regime Especial de Trabalho Policial (RETP), previsto na Lei nº 10.291/68, no valor de R$ 1.178,88 (mil, cento e setenta e oito reais e oitenta e oito centavos), e insalubridade, prevista na Lei Complementar nº 432/85, com alterações da Lei Complementar nº 1.179/12, no valor de R$ 691,65 (seiscentos e noventa e um reais e sessenta e cinco centavos).

Etapas do Concurso PM SP 2018

O concurso da Polícia Militar de São Paulo para Soldado de 2ª Classe será composto por:

a) Exames de Conhecimentos (Capítulos V a VIII), que serão divididos em: Prova Objetiva (Parte I), de caráter eliminatório e classificatório, visa avaliar o conhecimento do candidato para o desempenho das atribuições e versará sobre o conteúdo programático constante no “Anexo B”; Prova Dissertativa (Parte II), de caráter eliminatório e classificatório, visa avaliar a capacidade do candidato de produzir uma redação que atenda ao tema e ao gênero/tipo de texto propostos, além de seu domínio da norma culta da língua portuguesa e dos mecanismos de coesão e coerência textual;

b) Exames de Aptidão Física (Capítulo IX), de caráter eliminatório, visam avaliar o desempenho físico do candidato, que deverá obedecer aos padrões exigidos para o cargo;

c) Exames de Saúde (Capítulo X), de caráter eliminatório, os quais visam avaliar as condições de saúde do candidato;

d) Exames Psicológicos (Capítulo XI), de caráter eliminatório, visam identificar características de personalidade, aptidão, potencial e adequação do candidato ao perfil psicológico estabelecido para o cargo;

e) Avaliação da Conduta Social, da Reputação e da Idoneidade (Capítulo XII), de caráter eliminatório, visa à apreciação da conduta social, reputação e idoneidade do candidato, em sua vida pregressa e atual em todos os aspectos da vida em sociedade, quer seja social, moral, profissional, escolar, quanto à compatibilidade para o exercício do cargo; e

f) Análise de Documentos (Capítulo XIII), de caráter eliminatório, tem por finalidade analisar os documentos apresentados pelos candidatos para comprovação dos requisitos e condições para ingresso.

Provas Concurso PM SP 2018

A Prova Objetiva (Parte I) será composta por 60 (sessenta) questões de múltipla escolha com cinco alternativas cada uma, sendo apenas uma alternativa correta, de acordo com o conteúdo programático do edital:

a) Língua Portuguesa e Interpretação de Texto – 18 (dezoito questões);

b) Matemática – 12 (doze questões);

c) Conhecimentos Gerais – 14 (catorze questões);

d) Noções Básicas de Informática – 8 (oito questões); e

e) Noções de Administração Pública – 8 (oito questões).

A Prova Dissertativa (Parte II) será composta de uma redação, na qual se espera que o candidato produza uma dissertação em prosa na norma-padrão da língua portuguesa, a partir da leitura de textos auxiliares, que servem como um referencial para ampliar os argumentos produzidos pelo próprio candidato. Ele deverá demonstrar domínio dos mecanismos de coesão e coerência textual, considerando a importância de apresentar um texto bem articulado.

A Prova Objetiva (Parte I) e a Prova Dissertativa (Parte II) serão aplicadas no dia 03 de junho de 2018, simultaneamente, e terão duração de 4 (quatro) horas.

A validade do concurso será de seis meses, com possibilidade de prorrogação por igual período.

(*) Notícias Concursos

Comentários