02/04/2016 10h42 – Atualizado em 02/04/2016 10h42

O proprietário rural também foi multado por armazenamento inadequado de pneus, que estavam depositados ilegalmente na propriedade

Assessoria

Policiais Militares Ambientais de Bonito/MS autuaram, nessa sexta-feira (1), no início da tarde, um proprietário rural que realizava extração de cascalho sem autorização ambiental. A atividade funcionava na propriedade rural pertencente ao advogado, localizada a 5 km da cidade. Ele comercializava o cascalho retirado.

Durante a fiscalização, os policiais verificaram na propriedade centenas de pneus depositados ilegalmente. O proprietário da fazenda afirmou que alguém havia descartado o material sem seu conhecimento, porém, ele não havia registrado nenhuma ocorrência relativa ao fato.

As atividades de extração do cascalho foram paralisadas pelos policiais até a regularização junto ao órgão ambiental competente. O autuado também foi notificado a dar destinação adequada aos pneus. O infrator, residente em Bonito, foi autuado administrativamente e multado em R$ 23.000,00 pelas duas infrações. Ele também responderá por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização ambiental. A pena é de três a seis meses de detenção.

(*) Assessoria de Comunicação da Polícia Militar Ambiental – PMMS

Além da extração de cascalho sem autorização ambiental, também foram encontrados centenas de pneus depositados ilegalmente na propriedade (Foto: Assessoria)

Comentários