02/04/2019 09h17

Os colegas descobriram que ele passava por dificuldades quando ele se desesperou ao saber que a escola pararia de fornecer almoço, já que ele deixava de comer em casa para seus irmãos poderem se alimentar

Do Razões para Acreditar

Alunos de uma escola em Salvador se uniram para ajudar um colega que estava sem comida em casa. A família do Matheus passa por dificuldades financeiras e o almoço na escola é uma das poucas refeições que ele faz no dia.

A situação mudou quando a escola parou de fornecer almoço na semana passada (o lanche continua, apenas o almoçou foi descontinuado) e quando ouviu o comunicado, ele chorou de desespero, pois acabou se abrindo com seus amigos e disse que deixa de comer em casa para seus irmãos poderem se alimentar (quando tem) e a refeição na escola acabava sendo sua principal refeição.

Sentido com sua história, o grupo de 30 alunos comprou dezenas de alimentos e produtos de higiene pra Matheus, o Teco. Ele chorou quando viu a mesa da sala de aula repleta de doações. Mas esse foi só o começo de uma ajuda que não para de crescer!

“Me senti amado, pois não estava imaginando aquela surpresa. Sou eternamente grato a todos eles, pois demonstraram amor, e isso é tudo pra mim”, disse Matheus à redação do Razões para Acreditar.

“Eu senti muita gratidão [em ajudar o Matheus]. Muito orgulho de todos da turma. A gente se uniu! Dei mais valor às poucas coisas que tenho. Me senti muito mais feliz, de verdade”, disse a estudante Isabela, uma das coordenadoras da mobilização pra ajudar Matheus.

“Vamos fazer isso todo mês”, diz a legenda do post do @todosporteco no Instagram. O perfil foi criado para organizar a ajuda a Matheus. Em pouco tempo, passou de 100 seguidores para mais de 20 mil.

Começaram a aparecer várias pessoas querendo ajudar. Os estudantes conseguiram dois locais que irão receber doações de alimentos, itens de higiene e roupas. Não só para Matheus, mas pra toda sua família. Além disso, criaram uma campanha no site vakinha,pois sua família tem um dívida de mais de 7 mil reais.

“Quero dizer muito obrigado a todos que estão me ajudando! Obrigado pelo carinho, pela ajuda, por tudo e que Deus abençoe vocês, sempre! Estou muito feliz pelo ato nobre e gentil da turma e de todos!”, agradece Matheus.

História do Matheus

Matheus tem 18 anos e vive com a mãe e dois irmãos. A mãe cuidou dos filhos sozinha trabalhando como faxineira em casas e restaurante, mas atualmente está desempregada. Como falta comida em casa, muitas vezes, Matheus deixa de comer para que os irmãos e a mãe tenham o que comer.

Comentários