17/09/2018 10h40

Alunos de Escola Municipal de Três Lagoas participam do Projeto “Vivenciando a Deficiência Visual”

Projeto, desenvolvido por professor de Educação Física, visa trabalhar a inclusão social nas escolas e ambientes sociais em que os alunos vivem

Redação

Com o intuito de promover Inclusão Social nas aulas de Educação Física e ambientes sociais, o professor da Escola Municipal Professor “Odeir Antônio da Silva”, Daniel Alves de Souza, desenvolveu o projeto “Vivenciando a Deficiência Visual” com alunos de 9 a 10 anos. Aproximadamente 30 crianças realizaram atividades voltadas ao esporte paralímpico.

Segundo Daniel, o objetivo do projeto foi trabalhar a inclusão e quebrar paradigmas como o preconceito que ainda existe na sociedade. “Precisamos preparar as escolas para essa realidade, principalmente nas aulas de educação física. Na nossa escola ainda não temos alunos com deficiência visual, mas nossos alunos podem se deparar com a situação na família ou em outro ambiente. Eles precisam aprender a acolher todos igualmente e entender que podemos brincar ou conviver normalmente sendo deficientes ou não”, disse.

Jogos adaptados para os deficientes visuais, tais como, futebol de cinco, golbol e provas de atletismo, foram trabalhadas com os alunos. “Geralmente as bolas tem guizo, mas como são caras, adaptamos uma bola normal com folhas de jornal para que pudesse fazer barulho. Vendamos os alunos que eram conduzidos por outros e desta forma trabalharmos a modalidade de cada esporte. O exercício possibilitou que os alunos vivenciassem a experiência de não enxergar. Desta forma as crianças puderam trabalhar também outros sentidos tais como tato, audição, além de noção espacial”, explicou.

(*) Assessoria de Comunicação

Projeto, desenvolvido por professor de Educação Física, visa trabalhar a inclusão social nas escolas e ambientes sociais em que os alunos vivem (Foto/Assessoria)

Comentários