10/11/2015 15h41 – Atualizado em 10/11/2015 15h41

Há reclamação por parte dos moradores do bairro, que a falta de água, já passa de 36 horas e atividades simples, como tomar banho ficam prejudicadas

Patrícia Miranda

O domingo (08) em Três Lagoas foi marcado por uma intensa tempestade que acarretou em prejuízos para os moradores. Houve queda de árvores em muros, alagamentos, telhas que sofreram avarias, apagão, além da falta fornecimento de água em alguns bairros.

A cabeleireira e manicure, Emília Garcia, moradora do bairro Jardim Carandá, entrou em contato com a redação do Perfil News através do aplicativo WhastApp, para relatar uma situação incomoda: a falta de água. “Estamos sem água desde o temporal de domingo, moro no Jardim Carandá e acho uma falta de responsabilidade da parte da Sanesul, pois sempre temos tido problema com a falta de água em nosso bairro e sempre ficamos sem, por horas. Liguei lá (Sanesul) e eles me prometeram que até as 16h de ontem iria ter água e até o momento nada!”, explicou Emília, inconformada.

Segundo a cabeleireira, com o passar do tempo a água voltou, mas em pouca quantidade, porém não consegue chegar aos banheiros. “Na cozinha, temos água que sai bem pouca. Estamos tendo que nos deslocar para outra casa pra tomarmos banho, eu, meu neto e minha nora. Pela segunda vez entrei em contato e eles me passaram que até as 18h de segunda-feira teria água, só que não veio”, explicou.

CONFIRA O VÍDEO GRAVADO PELA MORADORA

SANESUL

O Perfil News entrou em contato com a Sanesul de Três Lagoas, mas em nenhum dos dois números ninguém atendeu. A Assessoria de Imprensa foi contatada em Campo Grande, do qual se prontificou a divulgar uma nota sobre a situação, porém até as 15h de hoje, a redação do Perfil News não recebeu uma resposta.

Tem algum flagrante ou alguma sugestão de pauta? Envie você também para o WhatsApp do Perfil News (67) 8435-2479.


A forte tempestade que caiu no domingo (08), causou estragos  pela cidade e após dois dias, os moradores ainda sentem os seus efeitos, como é o caso dos moradores do bairro Jardim Carandá que estão sem água. (Foto: Tatiana Mizobe)


Comentários