22/09/2017 16h44

Bens e móveis, adquiridos com recursos de Emenda Parlamentar conjunta, serão usados em benefício da população

Da redação

O prefeito de Três Lagoas, Angelo Guerreiro, acompanhado do vice-prefeito Paulo Salomão e da secretária de Assistência Social (SAS), Vera Helena Arsioli Pinho, e demais secretários do governo municipal, assinou termo de recebimento de doação de “bens e móveis descritos em documento”, na manhã desta sexta-feira (21).

A assinatura contou com a presença da Secretária de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast) de Mato Grosso do Sul, Elisa Cléia Pinheiro Rodrigues Nobre; deputado estadual, Eduardo Rocha (PMDB); presidente da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Três Lagoas, Glaucia Puzziello Jaruche; e do Superintendente de Administração Financeira da Sedhast, Clistiano Fernandes Alves.

Na solenidade, na sede da SAS, na Circular da Lagoa Maior, onde compareceram 12 dos 17 vereadores da Câmara Municipal, houve apresentação do grupo de percussão CRASE Latas, do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) Crase Coração de Mãe e contou também com a presença de grupos de crianças e adolescentes do SCFV Bombeiros do Amanhã, SCFV Patrulha Florestinha, SCFV Pelotão Mirim, SCFV Patrulha Mirim do Trânsito e do SCFV Banda Marcial Cristo Redentor.

Os equipamentos industriais, móveis e utensílios são destinados e apropriados para a realização de cursos profissionalizantes em várias áreas como marcenaria, carpintaria, tornearia, cozinha e outras. Todo o material doado foi adquirido com recursos de Emenda Parlamentar conjunta, de R$ 50 mil, de autoria do deputado Eduardo Rocha e Angelo Guerreiro, quando deputado.

USO SOCIAL

Como consta em uma das cláusulas do termo de doação da Sedhast à Prefeitura de Três Lagoas, por meio da SAS, “os bens e móveis” doados terão que ser usados em projetos sociais, voltados à população.

Ao agradecer a doação de todo os materiais e equipamentos, Vera Helena fez resumido relato das principais atividades da SAS, destacando os vários programas sociais que são desenvolvidos nos SCFV, que atendem crianças, adolescentes, jovens, adultos e pessoas idosas, por meio das múltiplas ações dos seis Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

“Para manter todos os nossos programas e ações, se faz necessário o apoio dos nossos representantes na Assembleia Legislativa e em Brasília”, observou Vera Helena, ao manifestar também “a alegria e honra de poder contar com o apoio e presença da Secretária de Estado de Assistência Social”.

Por sua vez, Eduardo Rocha enalteceu a eficiência das ações da SAS de Três Lagoas, como “referência no Estado e também no Brasil”.

Ao agradecer o convite para estar em Três Lagoas para esta solenidade, a secretária de Estado observou que, “é uma soma de diálogos e interesses que fazemos as coisas andar e se resolverem”, manifestou Elisa Cléia.

Como gestores, “precisamos dar prioridade a ações que mexam com a população, que tragam resultados de mudanças positivas, como o nosso governador (Reinaldo Azambuja) sempre nos fala”, disse.

RESGATE E DIGNIDADE SOCIAL

Em sua fala, o prefeito de Três Lagoas destacou a importância e o valor social da doação que veio do Governo do Estado, para o resgate da dignidade das pessoas.

“Entre os 79 municípios de Mato Grosso do Sul, Três Lagoas ocupa o primeiro lugar na geração de renda, é recordista no PIB (Produto Interno Bruto), mas também possui altas demandas de recursos para a Saúde, Educação e Assistência Social”, observou Guerreiro.

“Também temos desemprego e também precisamos de capacitação dos nossos trabalhadores. Aqui está a importância destas ferramentas, destes equipamentos para a população de Três Lagoas”, disse o prefeito.
“Temos que colocar tudo isto para funcionar, colocar a serviço de pessoas que queiram aprender uma profissão para terem emprego, produzirem e terem geração de renda. Isso é vida digna, é resgate de cidadania, é dignidade humana”, ressaltou Angelo Guerreiro.

(*) Informações com Aessoria de Imprensa.

A assinatura contou com a presença de autoridade estaduais e municipais (Foto: Assessoria de Imprensa / Divulgação)

Comentários