09/11/2015 15h09 – Atualizado em 09/11/2015 15h09

Três rodovias foram bloqueadas pelos caminhoneiros, duas BR e uma MS, porém devido a desentendimento entre os manifestantes o protesto foi encerrado na BR 463, na região de Ponta Porã

Ricardo Ojeda

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, até o momento duas rodovias federal e uma estadual estão bloqueadas pelos caminhoneiros atendendo determinação do líder do Comando Nacional do Transportes, Ivar Luiz Schmidt. Segundo os manifestantes o movimento é por tempo indeterminado.
Pela manhã, a primeira rodovia que foi bloqueada pela manifestação foi a MS – 134, que liga Nova Andradina à Casa Verde. Conforme informou o site Nova News, o bloqueio é parcial, apenas caminhões e carretas estão interrompidos de seguir viagem, enquanto carros de passeio, ônibus e ambulâncias seguem normalmente o trajeto.

DESENTENDIMENTO

Outras rodovias bloqueadas e a BR 463, próximo ao quilômetro 105, na região de Ponta Porã, e a BR 267, no quilômetro 367, próximo a Maracajú.

Em nota distribuída pela PRF, agora há pouco, o movimento na BR 463 foi encerrado. A interdição da pista durou pouco menos duas horas devido a desentendimento dos organizadores que estavam convidando outros caminhoneiros a participar do movimento.

Refeita as contas até o momento são duas rodovias que estão oficialmente interditadas pelo movimento em Mato Grosso do Sul. Porém esses dados podem aumentar. Os manifestantes pretendem bloquear outra rodovia estadual, a MS 276, importante artéria de integração aos estados de Paraná e são Paulo. O local do bloqueio será nas proximidades do município de Batayporã,

A Polícia Rodoviária Federal está monitorando o movimento através de patrulhamento aéreo e rodoviário, enquanto a Polícia Militar Rodoviária acompanha de perto os pontos de concentração dos caminhoneiros. Até o momento nenhum incidente foi registrado.

Caminhões bloqueiam parcialmente o quilômetro 367 da BR 267, na região de Maracajú. Veículos e ambulâncias trafegam normalmente (Foto: PRF)

Comentários