23/04/2015 16h05 – Atualizado em 23/04/2015 16h05

A primeira medalha de prata foi conquistada na fase de tercetos femininos

Da Redação

A atleta sul-mato-grossense Marlene Bonacina conquistou duas medalhas de prata para o Brasil no Campeonato Sul-Americano Senior de Boliche, que acontece até amanhã em Santiago, no Chile. Filiada ao CBD (Clube de Boliche Dourados), Marlene fez parte da seleção brasileira convocada pela CBBOL (Confederação Brasileira de Boliche) e formada ainda por atletas seniores de outros estados do país.

A primeira medalha de prata foi conquistada na fase de tercetos femininos. Formando equipe com Titila Alvarez (Bahia) e Léa Castro (Rio de Janeiro), Marlene ficou em segundo lugar nessa fase. As brasileiras foram superadas pelas colombianas Amanda Galeano Francia Arango e Gloria Arango. A medalha de bronze ficou para as donas da casa Filomena Arenas, Lucia Zuñiga e Miriam Marinquez.

Nesta quinta-feira, penúltimo dia do campeonato, Marlene conquistou a segunda medalha de prata, disputando a fase de equipes com Léa Castro, Lúcia Vieira e Titila Alvarez. Apesar do bom resultado, Marlene não conseguiu classificação para a fase máster, última etapa do campeonato, amanhã.

Além de Marlene, outros resultados positivos por brasileiros no campeonato sul-americano foram os quatro ouros conquistados por Márcio Vieira (Rio de Janeiro) – fase individual, fase de duplas masculinas formando time com Jamil Sales (DF) e fase de duplas mistas, formando time com Lúcia Vieira (Rio).

Oscar Marin (MT) e Flávio Alvarez (BA) ganharam medalha de prata na fase de duplas, Álvarez e Tininha Muelas bronze na fase de duplas mistas e o terceto formado por Jamil Sales, Luiz Afonso (DF) e Eugênio Carvalho (DF) ganhou ouro.

(*) Campo Grande News

Marlene Bonacina (ao centro), Titila Alvarez (BA) e Léa Castro (RJ) ficaram com a medalha de prata na fase de tercetos.(Foto: Divulgação)

Comentários