18/09/2017 13h17

Marciely Rayane conquistou o pódio na etapa Nacional dos Jogos Escolares, onde representou MS

Da Redação / SECOM TRÊS LAGOAS

O atletismo de Três Lagoas acaba de ganhar mais um motivo pra comemorar. A atleta Marciely Rayane Cardoso trouxe um expressivo resultado para Três Lagoas e para Mato Grosso do Sul. Na cidade de Curtiba – PR, a jovem ficou em terceiro lugar na disputa do arremesso de peso.

O feito foi concretizado na categoria de 12 a 14 anos na Etapa Nacional dos Jogos Escolares Juventude. Uma competição organizada e realizada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), em parceria com o Ministério do Esporte e Grupo Globo, com patrocínio da Coca-Cola e apoio da Estácio, da Prefeitura de Curitiba e do Governo do Estado do Paraná.

O detalhe é que a três-lagoense já conquistou uma medalha de bronze na sua primeira competição de nível Nacional na prova do arremesso de peso, ficando a 2 cm da 2° colocada, atleta do Rio de Janeiro. A 1° colocada foi a atleta do estado de Minas Gerais-MG.

Marciely é aluna da Escola Municipal do Parque São Carlos, onde integra o projeto de atletismo numa parceria entre a Secretaria de Esportes, Juventude e Lazer (SEJUVEL) e a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC), com apoio da Associação Três-lagoense de Atletismo Professor Tó (ATA), do Instituto Silvania Oliveira (ISO), Unimed, Bill Engenharia e Clínica Climis . O professor Reynaldo Camargo é quem comanda os treinamentos.

Além da medalha de bronze, Três Lagoas somou outros bons resultados.

A atleta Kawane Caroline de Oliveira Santos, da Escola Estadual JOMAP, outra grande promessa no atletismo, conquistou o 4º lugar no revezamento 5×75 metros. Resultado inédito para o atletismo de MS e uma brilhante 6ª colocação nos 250 metros onde a atleta quebrou seu recorde pessoal.

Já as jovens Lívia Dias Faustino e Kayllane Rayane Borges de Azevedo, da Escola Municipal do São Carlos, foram 4ª colocadas no revezamento 4×75 metros.

Enquanto, Suellen Costa Zorzan, da Escola São Carlos, melhorou sua marca pessoal nos 1.000 metros e 250 metros com barreiras.

A campeã mundial de salto com vara e embaixadora nos Jogos Escolares Curitiba, Fabiana Murer, participou da premiação e destacou a emoção dos atletas após as competições e no pódio. “Eu vi a emoção deles, alguns por estarem subindo ao pódio, até mesmo pela primeira vez, outros choram por não ter alcançado a vitória. Eu fico contente por ter essa oportunidade de viver esse momento com eles, eles são o futuro do atletismo brasileiro”, disse Murer.

Eu fico contente por ter essa oportunidade de viver esse momento com eles, eles são o futuro do atletismo brasileiro”, disse Murer.(Foto: SECOM TRÊS LAGOAS)

Comentários