18/03/2013 17h03 - Atualizado em 18/03/2013 17h03

Reestruturado, semiaberto de Paranaíba garante mais dignidade ao cumprimento de pena

 

Da Redação
 
O Estabelecimento Penal de Regime Semiaberto, Aberto e de Assistência aos Albergados de Paranaíba inaugurou na última sexta-feira sua reforma (Foto: Arquivo) O Estabelecimento Penal de Regime Semiaberto, Aberto e de Assistência aos Albergados de Paranaíba inaugurou na última sexta-feira sua reforma (Foto: Arquivo)

O Estabelecimento Penal de Regime Semiaberto, Aberto e de Assistência aos Albergados de Paranaíba inaugurou na última sexta-feira a reforma dos alojamentos e banheiros, com reestruturação das partes elétricas e hidráulicas, construção de teto de laje, instalação de portas de ferro e ventiladores de teto e colocação de revestimento de cerâmica nas camas, além da construção de armários individuais.

Durante a solenidade, também foi comemorado o aniversário de cinco anos do Projeto Recomeçar e inauguração de uma sala para o Conselho da Comunidade do Sistema Prisional.

De acordo com autoridades, foram R$ 102 mil de investimentos, conseguidos através da Vara Criminal e Execução Penal. Estiveram presentes diversas autoridades da segurança pública e sistema prisional como o promotor criminal, Fábio Ianni Goldfinger; o diretor de Operações da Agepen, Pedro Carrilho; o juiz da Vara Criminal e Execução Penal, Cássio Roberto dos Santos; o diretor do Estabelecimento Penal de Regime Semiaberto, Luiz Alberto da Silva Dourados e o presidente do Conselho da Comunidade do Sistema Prisional, Fidelcino Ferreira de Moraes.



Todos ressaltaram o empenho do Conselho em proporcionar estas melhorias e também a colaboração do juiz Cássio em dar continuidade ao projeto, iniciado pelo seu antecessor Francisco Vieira de Andrade Neto, destinando o dinheiro das execuções penais para a obra no Semiaberto.

Foi modificado o telhado dos alojamentos, que era de telha tipo “canaletão” e foi colocada laje de concreto, instalação de portas de ferro e ventiladores de teto e colocação de revestimento de cerâmica nas camas. Também foram construídos armários individuais para os internos guardarem seus pertences, além de banheiros amplos. Foi realizada, ainda, melhoria na instalação elétrica, hidráulica e pintura das celas.

Durante a solenidade de inauguração foi colocado em funcionamento o sistema de vigilância por câmeras, que trará mais segurança. Todo o equipamento, incluindo um computador e seis câmeras, foi adquirido pelo Conselho Prisional.

(*) Com informações de Notícias MS