12/03/2012 12h03 – Atualizado em 12/03/2012 12h03

DNIT anuncia implantação de terceira faixa e recuperação de trechos críticos da BR-262

No início do mês o DNIT retomou oito processos de licitação. As intervenções serão realizadas também nas BRs 163, 060, 158 e 419, além da 262.

Edmir Conceição

O trecho de 141 quilômetros da BR-262 entre Três Lagoas e Água terá a terceira faixa nos declives mais acentuados. Segundo o engenheiro Milton Rocha Marinho, chefe do DNIT na região do Bolsão, a licitação para obras de recuperação, reforma de acostamentos e implantação de terceiras faixas foi aberta no dia 13 e deve ser concluída até o fim de mês, prevendo que provavelmente em junho a ordem de serviço para as frentes de trabalho seja expedida.

A segunda etapa do Crema (Programa de Conservação, Restauração e Manutenção das Rodovias Federais) prevê restauração de pavimento, implantação da 3ª faixa e reforma de intersecções, mudando os trevos para rotatórias, “que oferecem mais segurança”, de acordo com o gerente do DNIT. Segundo Marinho, “o grosso das obras será no trecho Três Lagoas-Água Clara”, destacando que a pista passará a ter acostamentos nivelados, proporcionando assim mais segurança em situações em que os motoristas precisam ‘abrir’ nas ultrapassagens.

“São 7 metros de pista e cinco metros de acostamento, dois metros e meio de cada lado”, informou Milton Rocha Marinho. Hoje a pista está com vários acostamentos com defeitos e onde eles existem estão desnivelados.

OUTRAS RODOVIAS

Além da 262, outras quatro rodovias federais de Mato Grosso do Sul vão receber ainda no primeiro semestre as ações da 2ª etapa do Programa de Conservação, Restauração e Manutenção. As intervenções serão realizadas também nas BRs 163, 060, 158 e 419, além da 262.

Acostamentos serão nivelados com a pista, reduzindo os riscos de acidentes em ultrapassagens.

A terceira faixa vai evitar o 'trancamento' da pista por veículos de carga, contribuindo também para a segurança.

Trevos também serão reformados, sendo transformados em rotatória.

Comentários