18/11/2006 17h15 – Atualizado em 18/11/2006 17h15

JB Online

O Brasil recebeu no primeiro semestre de 2006 um número recorde de quase 3,4 milhões de turistas estrangeiros, que gastaram no país cerca de US$ 2,2 bilhões, informaram hoje fontes oficiais.

 O diretor de Mercado e Relações Institucionais do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Márcio Nascimento, em declarações à ‘Agência Brasil’, disse que o número de visitantes superou em 10% o registrado entre janeiro e junho de 2005, que era o recorde histórico.

Os gastos feitos pelos turistas nos primeiros seis meses de 2006 também superaram os US$ 1,8 bilhões recebidos no mesmo período em 2005, que também era um recorde.

 “Os números de 2006 sobre gastos e desembarques são recordes’, afirmou Nascimento.

 – Além disso, embora não tenha havido um aumento muito significativo no número de visitantes entre o primeiro semestre de 2005 e os primeiros seis meses de 2006, as despesas deles foram maiores. Ou seja, estamos recebendo um turista mais qualificado, que gasta um pouco mais que os outros – acrescentou.

 Segundo números do Ministério do Turismo, o Brasil recebeu no ano passado 5,5 milhões de turistas estrangeiros, ou seja, 17% a mais que em 2004, e pela primeira vez o número de visitantes europeus superou o de latino-americanos.

 O número de visitantes estrangeiros em 2005 aumentou em quase 50% em relação aos 3,7 milhões de 2002, um ano antes de Lula assumir a Presidência e apresentar o novo Plano Nacional de Turismo do país.

 A iniciativa, com programas concretos da Embratur para promover o Brasil no exterior como destino turístico, tem a meta de que o número de turistas estrangeiros chegue a 9 milhões em 2007.

 Quanto às receitas de divisas geradas pelo turismo, que aumentou progressivamente desde US$ 1,998 bilhões em 2002 para US$ 3,861 bilhões em 2005, a meta do Plano é que cheguem a US$ 9 bilhões em 2007.

Comentários