Prefeitura ainda investiga mais 12 casos suspeitos, também relacionados à festa dada pela família no último feriado.

Uma única festa, realizada por uma família na pequena cidade de Brasilândia (12 mil habitantes) resultou em sete pessoas contaminadas pelo novo coronavírus. Duas dessas pessoas estão internadas em Três Lagoas.

Além deles, outros 12 casos considerados suspeitos estão sendo investigados. Todos eles têm relação com pessoas que estiveram na festa. Outros dois casos foram descartados.

Após o primeiro caso apresentar sintomas da doença e realizar a coleta para exames, todos que estiveram contato direto foram monitorados pela Saúde. Os casos confirmados e negativos estiveram na festa, que reuniu parentes da cidade e pessoas vindas de cidades vizinhas.

Já os casos em investigação e suspeitos são funcionários da empresa da família infectada. A Secretaria de Saúde da cidade coletou hoje, 7, exames das pessoas que tiveram contato indireto com os envolvidos.

A Secretaria Municipal de Saúde recomenda a todos que tiveram contato indireto nos últimos cinco dias com as pessoas infectadas que permaneçam o tempo todo com máscaras, reforcem os cuidados de limpeza e evitem aglomerações.

Em caso de sinais de gripe, procurar imediatamente a unidade básica de Saúde mais próxima de sua casa ou o Hospital com máscara.

Perfil dos casos

A prefeitura liberou o perfil das pessoas contaminadas por Covid-19 em Brasilândia. Segue:

  • Mulher, 70 anos, com comorbidade e está internada em Três Lagoas
  • Homem, 57 anos, com comorbidade e está internado em Três Lagoas
  • Homem, 18 anos, isolado em sua residência.
  • Homem, 26 anos, sem sintomas leves e isolado em sua residência
  • Mulher, 51, sintomas leves e isolado em sua residência
  • Homem, 78 anos, sintomas leves e isolado em sua residência
  • Mulher, 32 anos, sintomas leves e isolado em sua residência

Preocupação: Dia das Mães

prefeito de Brasilândia, Dr. Antonio Thiago

Em pronunciamento feito em uma rádio local ontem, 6, o prefeito de Brasilândia, Dr. Antonio Thiago, fez um apelo a todas as famílias brasilandenses: que neste Dia das Mães, não façam encontros familiares.

“O que podemos afirmar é evitar a aglomeração. Aproveitando que neste domingo Dia das Mães e é uma data importante para o mundo inteiro. Mais do que nunca esse vai ser um domingo muito especial porque quem gosta literalmente de sua mãe vai ter que preservá-la”, disse o prefeito.

Comentários