05/03/2012 15h04 – Atualizado em 05/03/2012 15h04

Samu registra uma média de 15 trotes diariamente

Até o dia 29 de fevereiro, mais de 800 trotes foram realizados no SAMU

Rafael Furlan

O SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, instalado em Três Lagoas em junho de 2008, tem realizado um ótimo trabalho frente a atender as necessidades de saúde da população. Como a cidade está em grande expansão, esse serviço precisa estar atrelado diretamente a saúde do município e os munícipes terem total conscientização sobre como utilizar, evitando assim, trotes e até mesmo, dificultando o trabalho desses profissionais.
De acordo com o setor administrativo do SAMU, uma média de 25 ocorrências são realizadas diariamente pelo serviço.

Trotes

Com muitas ocorrências na cidade, a agilidade nas ligações, e toda a logística para se chegar até o local do acidente é de extrema importância e que muitas vezes pode ser prejudicada pelo trote. Desde o início do ano até o dia 29 de fevereiro, 816 trotes foram passados. O mês de janeiro contabilizou 383 e o mês de fevereiro, 433.

Trotes consumidos

A dificuldade em encontrar quem realizou um trote é muito difícil, pois hoje o SAMU não conta com um sistema de gravação de voz por telefone, porém, o atendente colhe todos os dados, realizando uma pré triagem e já percebe se é trote ou não.
Dos 816 trotes, dois foram consumidos e a ambulância foi descolada até o endereço e não encontrou nada quando chegou.

Comparativo

Se formos comparar esses números, percebe-se que no mês de janeiro, uma média de 12 trotes foram realizados por dia. Já o mês de fevereiro foram 15.
O Samu atende pelo 192 e tem como objetivo reduzir o número de óbitos e as sequelas decorrentes da falta de atendimento precoce.

Samu conta com uma equipe de especialistas para atender toda a população
Foto: Divulgação

Mais de 800 trotes foram realizados em 60 dias
Foto: Divulgação

Comentários