A ideia surgiu por meio da Pastoral do Imigrante e da Pastoral da Criança, que buscaram soluções para auxiliar as famílias assistidas em meio as dificuldades da pandemia

m vista da crescente disseminação do novo Coronavírus nas cidades que compreendem o território da Diocese de Três Lagoas e, iluminados pela Campanha da Fraternidade, que neste ano nos pede  Fraternidade e Vida: Dom e compromisso, diocesanos se uniram e organizaram a campanha “Isolamento Solidário”. O objetivo é que sem sair de casa, pessoas com o dom da costura possam confeccionar máscaras e voluntários possam fazer sabão caseiro para que sejam organizados kits para serem distribuídos gratuitamente para famílias em estado de vulnerabilidade social.

A ideia surgiu por meio da Pastoral do Imigrante e da Pastoral da Criança, que buscaram soluções para auxiliar as famílias assistidas. “Diante da solicitação, organizamos um comitê para discutir as possibilidades e verificamos que esta era uma ação que poderia ajudar não só estas pastorais, mas, que poderia ser estendida para as 10 cidades da nossa Diocese possibilitando o amparo e a ajuda há várias famílias que também passam por esta mesma dificuldade”, disse Dom Luiz Gonçalves Knupp, Bispo da Diocese de Três Lagoas.

Com a ideia estruturada os primeiros voluntários surgiram dos grupos de WhatsApp e na primeira quinzena de abril, mais de 100 kits foram entregues para famílias assistidas pela Pastoral do Imigrante e a Pastoral da Criança em Três Lagoas. Apesar de positivo, o número é baixo se comparado à quantidade de famílias que precisam deste tipo de doação. A expectativa é que mais voluntários abracem o Isolamento Solidário e ajudem tanto nas confecções quanto nas doações.

Dificuldades

Os voluntários são proativos e possuem boa vontade, mas, a falta dos materiais para a confecção das máscaras e do sabão têm dificultado as entregas dos kits. “Devido a grande procura por máscaras artesanais, notamos um aumento de três vezes ou mais no preço do elástico e dos tecidos, isso dificulta a nossa ação. Pedimos, para àqueles que possuem condições de ajudar, que possam doar elástico, tecido de algodão, itens para a confecção do sabão líquido, ou até mesmo o próprio sabão – seja em barra ou líquido – que nos procure em horário comercial na Cúria Diocesana. Por mais que possa parecer pequena, sua ajuda será de extrema importância para nós”, disse o Diácono Roberto Rabelati, Assessor Diocesano das Pastorais Sociais da Diocese de Três Lagoas.

Como posso ajudar?

Conforme a orientação do Diácono, as doações podem ser entregues de segunda à sexta-feira, em horário comercial na Cúria Diocesana – localizada na Rua Bom Jesus da Lapa, nº 270, centro de Três Lagoas.

Já àqueles que querem ser voluntários nas confecções das máscaras e do sabão, podem entrar em contato pelo WhatsApp 67 9 9682 7347, pelo telefone 67 3521 3027 ou pelo endereço de e-mail [email protected].

Sobre a Diocese de Três Lagoas

A Diocese de Três Lagoas (Dioecesis Trilacunensis) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica com sede episcopal em Três Lagoas (MS). Foi criada pelo Papa Paulo VI em 3 de janeiro de 1978. Abrange um total de 10 cidades (Três Lagoas, Selvíria, Paranaíba, Aparecida do Taboado, Água Clara, Brasilândia, Chapadão do Sul, Santa Rita do Pardo, Inocência e Cassilândia), e contempla 15 Paróquias com mais de 108 capelas/comunidades.

(*) Luciana Navarro – Assessora de Imprensa da Diocese de Três Lagoas (MS)

Comentários