08/03/2018 15h30

Campeão Gilson Macedo visita SEJUVEL e se torna parceiro do Programa “Juventude Ligadaça”

O fisiculturista ganhou o 1º lugar em duas categorias no último fim de semana em Dourados

Redação

Com extensa lista de títulos e premiações, o fisiculturista três-lagoense Gilson Macedo conquistou mais dois importantes troféus para sua carreira. No último final de semana, o atleta venceu em primeiro lugar em duas categorias na Copa Athlética de Fisiculturismo em Dourados – MS.

Gilson foi o campeão nas modalidades Over All (Melhor da Noite) e Fisiculturismo acima de 90 quilos. Com essa classificação, ele se prepara para a mais importante disputa do esporte: o Arnold Classic, que vai acontecer nos dias 20, 21 e 22 do próximo mês.

O secretário da Secretaria Municipal de Esportes, Juventude e Lazer (SEJUVEL), Leandro Dias, é um grande apoiador de Gilson e, na manhã desta quinta-feira (08), recebeu o atleta em seu gabinete, juntamente com a sua namorada, a campeã estadual fisiculturismo, Cristina Ramos.

Leandro parabenizou o casal pelos resultados e frisou sobre o interesse da Secretaria em apoiar os atletas do Município. “É motivo de muito orgulho saber que em Três Lagoas temos grandes talentos esportivos, que mesmo com tantas dificuldades, representam tão bem a Cidade em vários campeonatos. Sempre acreditamos no potencial de Gilson e vamos batalhar para ampliar apoio aos nossos esportistas, de modo geral”, explanou Leandro.

CRISTINA RAMOS

A namorada do campeão também se destaca no fisiculturismo. Da categoria biquíni, foi campeã estadual em 2016, ficou em segundo lugar nos Open Fronteira / Open Pantanal e, atualmente, se prepara para disputar o Estadual em maio.

PROGRAMA JUVENTUDE LIGADAÇA

Á convite de Leandro, Gilson Macedo passa a fazer parte do Programa “Juventude Ligadaça”. O fisiculturista realizará palestras de motivação contando sua história e trajetória dentro do esporte. “Fui viciado em drogas durante seis anos. Já era adulto, tinha uma vida comum e entrei nesse mundo por meio de amizades erradas. De trago em trago, decaí e fui ao fundo do poço”, relatou Gilson.

O atleta passou por um período de recuperação, ficou por algum tempo sem usar entorpecentes, mas infelizmente teve recaídas. “Voltei para a reabilitação e comecei a traçar a minhas metas. Só consegui vencer o vício após o nascimento do meu filho e pelo amor ao esporte. Hoje, posso dizer que nessa questão eu sou um vencedor”, contou.

No Programa Juventude Ligadaça, o esportista vai expor sua experiência, buscando incentivar os jovens a dizer não às drogas e, provar que o esporte tem o poder de resgatar vidas.

(*) Diretoria de Comunicação Social da Prefeitura de Três Lagoas

(Foto: Divulgação/Assessoria).

Comentários