14/08/2017 15h21

Campo Grande sedia encontro nacional de trabalhadores do judiciário federal e MPU

O Relatório da Reunião Ampliada foi pauta de encontro na sede do Andes. Além de dar início às demandas programadas, foi feita ainda uma avaliação do encontro

Redação

Campo Grande vai sediar a XXI Plenária Nacional da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União – Fenajufe, que acontecerá de 9 a12 de novembro. Entre os assuntos que serão tratados estão o futuro dos profissionais federais nessas áreas ameaçadas por projetos de reformas (Previdenciária, principalmente), terceirização e outras em tramitação no Congresso Nacional.

“Será um grande privilégio para Mato Grosso do Sul receber aqui lideranças dos trabalhadores do poder judiciário federal e MPU de todo o país, para discutir assuntos importantes para as categorias e para a Nação”, afirmou Antônio César Amaral Medina, coordenador administrativo do Sindjufe/MS.

A XXI Plenária Nacional da Fenajufe será realizada no Hotel Deville Prime Campo Grande, mas outras unidades serão utilizadas para hospedagem dos participantes.

A Comissão Organizadora da XXI Plenária é composta pelos coordenadores Adriana Faria, Gerardo Alves, Helenio Barros, Marcos Santos, Mara Weber e Vicente Sousa., que atuou em conjunto com o Sindjufe/MS na coleta de informações.

AGENDA DE LUTA – O Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos – Fonasefe deu início às ações previstas no calendário de lutas e mobilizações resultantes da Reunião Ampliada do Fonasefe, que ocorreu entre os dias 4 e 6 de agosto, em Brasília. O Relatório da Reunião Ampliada foi pauta de encontro na sede do Andes. Além de dar início às demandas programadas, foi feita ainda uma avaliação do encontro, que reuniu cerca de 300 pessoas, de diversos estados brasileiros.

Presentes na reunião de avaliação, os coordenadores (as) da Fenajufe Adriana Faria (Jurídico-Parlamentar), Vicente de Sousa (Comunicação) e Marcelo Melo (Finanças – em exercício) ressaltaram a importância do plano de ações aprovado, como forma de enfrentamento às reformas e iniciativas parlamentares que retiram direitos dos servidores públicos e dos trabalhadores brasileiros.

“Foi um encontro muito satisfatório, com bastante representatividade e uma composição de mesa plural e qualificada. Tivemos a participação de 41 delegados da Fenajufe no encontro e aprovamos encaminhamentos imprescindíveis para a categoria”, afirmou Vicente Sousa, que coordenou a mesa que debateu as Reformas e seus Impactos no Serviço Público.

Vicente reiterou o posicionamento contrário da categoria frente às reformas em curso no país e alertou para a manipulação de dados e indicadores por parte do governo e da grande mídia. “Há uma grande manipulação, inclusive com a divulgação de dados falsos sobre o real custo da folha de pagamento dos servidores públicos, por exemplo. Precisamos fazer o enfrentamento ponto-a-ponto destes dados junto à sociedade”, ressaltou Vicente Sousa.

Coordenadores do Sindjufe/MS participaram desse fórum nacional e estão sempre à frente da luta pela categoria em Mato Grosso do Sul, somando forças inclusive com outras entidades que integram o Comitê Estadual Contra as Reformas.

(*) Assessoria de Comunicação

César Medina (Foto/Assessoria)

Comentários