01/09/2014 09h05 – Atualizado em 01/09/2014 09h05

Em sua estada em Três Lagoas, no sábado passado, Delcídio do Amaral, que já carreou quase R$ 120 milhões para o Bolsão Sul-mato-grossense, afirmou que vai dar ainda mais atenção è região e em especial a Três Lagoas

Léo Lima com assessoria

A visita que o candidato a governador Delcídio do Amaral fez a Três Lagoas rendeu dividendos políticos e conquista de uma maior fatia do eleitorado da região, face sua disposição em trabalhar ainda mais pelo Bolsão Sul-mato-grossense e em especial pelo município polo.

O candidato ao governo do estado da coligação Mato Grosso do Sul com a Força de Todos, afirmou que, vai construir novos conjuntos residenciais, modernizar as Polícias Civil e Militar e promover , em conjunto com a Senai e o Senac, cursos de formação de mão-de-obra para atender a três das principais reivindicações da população de Três Lagoas : o acesso a casa própria – a falta de moradia triplicou o preço dos aluguéis – a redução dos índices de violência e a qualificação dos trabalhadores locais para que eles possam ter acesso às vagas oferecidas pelas empresas que se instalam na cidade.

“Além de investir em saúde, com a conclusão do Hospital Regional de 200 leitos e a instalação de um dos Centros de Saúde Total que planejamos para as cidades polo do interior, vamos implantar a educação em tempo integral nas escolas e acionar a Agehab (Agência Estadual da Habitação) e a Caixa Econômica Federal para construir, a curto prazo, pelo menos 4 mil unidades habitacionais que atenderão a todas as faixas de renda, com prioridade para os mais carentes. A questão da segurança também nos preocupa muito. Mas não vamos resolvê-la apenas aumentando o efetivo. Investiremos em equipamentos, tecnologia, em videomonitoramento, para que tenhamos um polícia cada vez mais eficiente. E eu quero deixar claro que eu não tenho nada contra quem vem de fora, mas as vagas no mercado de trabalho geradas pelo boom de desenvolvimento verificado em Três Lagoas têm que ser, prioritariamente, ocupadas por quem vive aqui. Por isso vamos mobilizar a Universidade Estadual (UEMS) e o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul para promover, com o apoio do Senai e do Senac, cursos de qualificação em petróleo e gás, química, segurança no trabalho, mecânica, informática, indústria têxtil, papel, celulose, enfim, uma gama enorme de áreas onde falta mão-de-obra especializada aqui na região”, garantiu Delcídio no sábado (30), durante reunião, quase no final da tarde, com moradores da Vila Piloto, bairro mais populoso de Três Lagoas.

RECEPÇÃO CALOROSA

O encontro com a comunidade da Vila Piloto foi o último de uma série de compromissos que o candidato cumpriu ao longo do sábado. Uma recepção calorosa, literalmente (sol a pino, com cerca de 36°C), foi registrada na chegada de Delcídio a Três Lagoas. Perto das 10h, logo ao desembarcar, ele concedeu entrevista coletiva no aeroporto e seguiu para uma caminhada na feira e no comércio do Centro da cidade, que só terminou às 13h30. Nos dois locais ele conversou com centenas de pessoas e foi cumprimentado pela população, recebendo muitas manifestações de voto e desejos de boa sorte nas eleições de 5 de outubro.

“É uma troca de energia muito legal, que me estimula a trabalhar cada vez mais por Três Lagoas e todo o Mato Grosso do Sul. Eu tenho uma folha de serviços prestados à região do Bolsão, para a qual consegui nos últimos anos cerca de R$ 120 milhões em investimentos do governo federal. E vem mais por aí. Vamos instalar aqui um restaurante popular que vai servir refeições a R$ 2, uma Loja do Cidadão, onde se poderá tirar documentos, pagar contas e resolver, com conforto e rapidez, assuntos relacionados aos serviços prestados pelo governo do estado. Além disso, vou concluir o anel ferroviário e fazer gestões junto ao governo federal para revitalizar a Noroeste do Brasil, criando uma nova alternativa de escoamento da produção local”, detalhou Delcídio.

COMUNIDADE

Após o almoço, a partir da Lagoa Maior, o candidato saiu em carreata que, durante 3 horas, percorreu vários bairros até a Vila Piloto.

“Pude observar ao longo do trajeto que dezenas de ruas não possuem pavimentação. Por isso, assim que tomar posse em janeiro, vou ajudar a prefeitura a asfaltar o maior número possível de ruas, como já fiz com a Egydio Thomé e outras vias. O povo de Três Lagoas conhece o meu trabalho”, comentou Delcídio.

SELFIES

Companheiros petistas e da coligação, além de simpatizantes da campanha de Delcídio rumo ao Governo de MS, durante a estada do candidato na cidade, fizeram questão de serem fotografados ao lado dele.

Na Vila Piloto não foi diferente, inclusive com crianças posando para fotos com Delcídio, antes e após o encontro com a comunidade.

Logo no começo da noite de sábado, Delcídio,Ayache e outras lideranças políticas fizeram carreata pelas ruas da Vila Piloto (Foto: Rodolfo Gomes)

Na sede do Sinpol, na Vila Piloto, Delcídio diz o que já fez por Três Lagoas e região e o que tem de propostas para beneficiar a população (Foto: Rodolfo Gomes)

O candidato foi também convocado para fotos com simpatizantes de sua campanha (Foto: Rodolfo Gomes)

Comentários