10/05/2016 09h26 – Atualizado em 10/05/2016 09h26

O automóvel que tem como valor de mercado R$70.692,00 será devolvido ao seu proprietário

Assessoria

Durante fiscalização em frente à Unidade Operacional da PRF de Água Clara, às 11h de domingo (08), no km 140 da BR-262, foi dada ordem de parada ao veículo Honda/Civic LXR, com placas aparentes EYL-3346, de São Paulo/SP, conduzido por E. S. A., 33 anos, pintor, e tendo como passageiro A. R. L., 34 anos, gerente de supermercado.

Após solicitação do CRLV do automóvel e da CNH do condutor, a equipe percebeu que as placas aparentes correspondem ao veículo Ford/Fiesta Flex vermelho de Campo Limpo Paulista/SP. Diante disso, foi realizada vistoria minuciosa nos elementos de identificação e verificado que o chassi estava original e relacionado ao automóvel Honda/Civic LXR, placas originais FRS-8098, de Ribeirão Preto/SP, com ocorrência de roubo em março deste ano na cidade do emplacamento.

EXPLICAÇÕES

Sobre o carro, o condutor e o passageiro declararam que o veículo foi comprado em uma loja de carros em Ribeirão Preto/SP, que pagaram R$10.000,00 e que iriam assumir as parcelas do financiamento, que estavam vindo de Ribeirão Preto/SP e indo para Campo Grande/MS visitar a mãe do condutor e que desconheciam que o automóvel era clonado e produto de roubo.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil de Água Clara. Os ocupantes do veículo foram presos em flagrante pela prática, em tese, dos crimes de receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor, sendo conduzidos ilesos e com o uso de algemas para o Distrito Policial local.

(*) PRF| MS

O veículo foi roubado e clonado para que não fosse reconhecido. (Foto: assessoria)

Comentários