Dos 230 trabalhadores que haviam levado calote da empreiteira 64 receberam seus direitos nesta semana; empresa de celulose se responsabilizou pelos pagamentos

No final do ano passado, o Diretor do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil Pesada (Sintiespav-MS), Nivaldo da Silva Moreira, afirmou em entrevista ao Perfil News que os trabalhadores que tomaram calote da Multipav receberiam as verbas rescisórias por meio de um acordo com a empresa de celulose, para quem a empreiteira teria prestado serviço.

As homologações começaram no dia 18 de dezembro. Entretanto, devido ao recesso do Judiciário, o processo teria parado e muita gente que ia receber o dinheiro ficou a ver navios.

Mas a situação mudou: de acordo com Nivaldo, as verbas finalmente começaram a ser pagas. Sessenta e quatro trabalhadores já teriam recebido os valores devidos nesta semana. Faltam 166, de um total de 230 que fazem parte desse acordo.

“Os depósitos começaram a ser feitos na segunda-feira (13)”, disse Nivaldo. Até ontem, 14, 64 trabalhadores já tinham recebido as verbas devidas. Os demais serão pagos de acordo com o andamento do processo.

Comentários