Três Lagoas fechou 2020 com 2.871 casos confirmados de dengue – cerca de 22% a menos do que 2019, quando a cidade registrou 3.705 casos positivos.

O número de casos suspeitos também caiu: 4.274 em 2020 contra 5.817 em 2010. A Secretaria ainda espera os resultados de exames laboratoriais de 52 casos.

Os meses com mais notificações continuam sendo os primeiros do ano, quando há mais concentração de chuva e o mosquito se reproduz com mais facilidade: janeiro (776); fevereiro (1.491) e março (1.035). Os números de notificações dos outros meses do ano são os seguintes: abril (262), maio (147), junho (100), julho (89), agosto (75), setembro (48), outubro (45), novembro (77) e dezembro (129).

Leishmaniose

Os casos de leishmaniose tiveram uma queda considerável em relação ao ano passado. No total acumulado de 2020 foram notificados 47 casos suspeitos, com três casos positivos. Todos os pacientes se recuperaram.

Em 2019 houve 173 notificações, com 10 confirmados como positivos. Três pessoas morreram no ano passado na cidade em decorrência da doença.

Comentários