01/12/2014 10h14 – Atualizado em 01/12/2014 10h14

Programa DST/Aids realiza ação na Praça Ramez Tebet

Número de casos identificados neste ano supera registro de 2013. Um dos fatores é a resistência ao uso do preservativo

Guta Rufino

No “Dia Mundial de Luta Contra a Aids”, o Programa Municipal DST/Aids/HV (Doenças Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais) realiza na Praça Ramez Tebet uma ação voltada à população três-lagoense.

Uma tenda foi montada pelo local e os profissionais da saúde estão realizando aconselhamento, pré-teste, exame e distribuição de camisinhas.

Segundo dados da psicóloga e coordenadora do CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento), Susie Donero, de janeiro a novembro deste ano, o programa já registrou 35 novos casos de HIV, 6 de Hepatite B e 20 de Hepatite C. Em 2013, durante todo o ano foram registrados 33 casos de HIV. “Em relação a 2013, nós já ultrapassamos o número de casos identificados em Três Lagoas”, explicou.

Três fatores são responsáveis pelo aumento do número de casos identificados no município. Susie os define como: A falta do uso do preservativo, o aumento populacional e o aumento da oferta de diagnóstico.
Sobre a campanha realizada no praça, a coordenadora explica que é a demonstração do trabalho feito no dia a dia do programa DST/Aids/HV. “É a prevenção, a orientação que fazemos todos os dias”.

A ação teve início às 8h desta segunda-feira (1°) e segue até às 12h. De segunda à sexta-feira, o Programa DST/Aids/HV atende o público das 7h às 17h, na rua Bom Jesus da Lapa, 1078, no bairro Vila Nova. O horário para realização de testes de HIV, Hepatite C e B ou Sífilis, é das 7h às 11.

Durante a ação estão sendo realizados exames (Foto: Guta Rufino/Perfil News)

A ação será realizada até ás 12h (Foto Guta Rufino/Perfil News)

Comentários