09/05/2013 14h10 – Atualizado em 09/05/2013 14h10

Responsabilidade e cuidados na criação de cães e gatos foram mostrados aos alunos de duas Escolas da Rede Municipal de Ensino (REME)

Da Redação

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), esteve recentemente na Escola Municipal Professor Ramez Tebet e na Escola Municipal Maria de Lourdes Lopes proferindo palestras de educação em saúde, focando principalmente a importância da guarda responsável de animais.

As palestras, com a participação da sanitarista Angelina da Silva Zuque e do médico veterinário Douglas Sanches Benites Gimenez, ambos da equipe do CCZ, coordenada pelo médico veterinário Antônio Luiz Teixeira Empke, atenderam à solicitação da direção dessas duas escolas da Rede Municipal de Ensino (REME).

A temática sugerida por essas duas Escolas Municipais, inserida em Projetos Pedagógicos, foi relacionada à importância da guarda responsável de animais.

“Na mesma oportunidade, explicamos aos alunos dessas duas Escolas o que é o CCZ, atribuições, nosso trabalho e obrigações, preconizadas pelas normas do Ministério da Saúde”, observou o diretor do CCZ.

GUARDA RESPONSÁVEL

O enfoque das palestras aos alunos dessas Escolas Municipais foi a guarda responsável dos animais, no caso, cães e gatos, ou seja, “o conjunto das principais ações de comportamento que devemos ter com o nosso cão ou gato, para que ele tenha uma vida saudável e não ofereça perigos à saúde e à segurança da nossa família”, resumiu o médico veterinário Douglas.

“Falamos da importância de se saber da procedência do animal que pegamos para criar, raça e porte, da alimentação, higiene, das vacinas e cuidados para manter o animal sempre saudável”, informou Douglas.

“Ressaltamos também a obrigação de cuidarmos do nosso animal de estimação até o final de sua vida, porque o cão ou o gato não são objetos descartáveis, que se jogam fora, quando não mais nos interessam ou incomodam”, observou a sanitarista Angelina Zuque.

O abandono ou descarte não é próprio de crianças, “mas infelizmente, ainda é comum entre os adultos”, observou Douglas. Ele contou a história de uma criança que levou para a escola o seu gatinho escondido na mochila, “porque o pai havia falado que jogaria o gatinho em um terreno baldio”, contou.

“Mostramos às nossas crianças que, a primeira regra da guarda responsável é lembrar-se que seu animal de estimação será seu companheiro por 15 a 20 anos e que você deve dar a ele tudo que gostaria que dessem a você, ou seja, muito carinho, atenção, cuidado e respeito. Jamais abandoná-lo, nem que ele fique doente e que ele fique velho”, destacou o médico veterinário.

CCZ

Nas mesmas palestras, foi falado sobre o Centro de Controle de Zoonoses, instalado numa ampla área do Município de Três Lagoas, na Rua Egídio Thomé, número 5562, Parque Industrial, principal via de acesso ao Jupiá.

“Explicamos às crianças, para que também levem essas informações aos seus pais, que o CCZ, como o nome já diz, é um lugar onde se controlam as principais doenças que afetam os nossos animais e que podem também afetar a saúde das nossas famílias, da nossa população, ou seja, a saúde pública”, resumiu a sanitarista Angelina Zuque.

Para tanto conta com estrutura, que deverá ser melhorada com a construção de amplo laboratório e depósito de materiais, para campanhas de vacinação antirrábica, prevenção de leishmaniose, eutanásia (morte assistida e sem dor, quando for o caso)) e outras ações relacionadas à saúde do animal.

“Não cabe ao pessoal do CCZ recolher animais sadios, mesmo que estejam soltos nas ruas, por causa da falta de responsabilidade de seus donos”, ressaltou Douglas.

As equipes do CCZ somente recolhem animais doentes, atropelados, violentos e que, comprovadamente, oferecem perigo à família ou à sociedade.

Mais informações ou mesmo solicitação de palestras em Escolas podem ser obtidas pelo telefone (67) 3929-1803, no horário de expediente: de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 17h.

(*) Com informações de Assecom Prefeitura de Três Lagoas

Comentários