02/02/2012 13h48 – Atualizado em 02/02/2012 13h48

Oficina discutiu cinco eixos do Plano de Desenvolvimento de Atenção à Saúde a serem executados na macrorregião de Três Lagoas

Assessoria de Imprensa

O vereador Celso Yamaguti (DEM), representou a Câmara Municipal no encerramento da oficina para discussão das diretrizes do Plano de Desenvolvimento de Atenção à Saúde na macrorregião de Três Lagoas.

TEMAS DEFINIDOS

A oficina teve presença da secretária de Estado da Saúde, Beatriz Dobashi.
Dentre os temas já definidos, a serem executados na macrorregião está o fortalecimento da atenção básica, que envolve melhoria de infra-estrutura; integração e atuação em rede, que trata também da melhor comunicação e regulação entre as unidades; inserção dos hospitais nas redes regionais com treinamentos, tratamentos de pacientes em estado críticos; fortalecimento da gestão regional; e fortalecimento do controle social.

PROBLEMA NA SAÚDE

“Esta é uma forma de detectar melhor os problemas da região e trabalhar para que haja um avanço na saúde, um setor que em todo o Brasil ainda enfrenta muitas dificuldades. Com esta ação o governo do Estado e o Poder Público Municipal demonstram que existe a busca, na tentativa de solucionar os problemas da população”, disse Yamaguti.

TRÊS LAGOAS E REGIÃO

As oficinas já foram realizadas na macrorregião de Dourados, envolvendo 33 municípios. A macrorregião de Três Lagoas envolve 10 municípios, sendo Selvíria, Brasilândia, Água Clara, Santa Rita do Rio Pardo, Bataguassu, Inocência, Brasilândia, Aparecida do Taboado e Cassilândia.

OUTROS MUNICÍPIOS

De acordo com Beatriz, a partir de março, as oficinas serão realizadas na macrorregião de Campo Grande, que envolve 35 municípios.
O evento contou com a presença da secretária Municipal de Saúde, Eliane Brilhante, representantes do Conselho Municipal de Saúde e demais gestores desta área do poder público.

O vereador Celso Yamaguti durante o encerramento da oficina para discussão das diretrizes do Plano de Desenvolvimento de Atenção à Saúde na macrorregião de Três Lagoas
Foto: Assessoria de Imprensa

Comentários