27/04/2016 17h19 – Atualizado em 27/04/2016 17h19

Ao contrário de campeonatos das outras modalidades esportivas mais conhecidas do grande público, o poker não tem a rede hoteleira como um acessório da organização: no caso dos campeonatos, os hotéis acabam sendo os “estádios” da disputa

Assessoria

Pense rápido: quando você imagina grandes competições esportivas, quais cidades lhe costumam vir à mente? Geralmente as capitais do sudeste, certo? Afinal de contas há abertos de tênis no Rio de Janeiro, o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 em São Paulo e tantos outros eventos espalhados pela região.

Em parte você estaria certo. Mas existe um esporte que vem angariando adeptos por todo o país e que conta com várias etapas realizadas fora dos centros do sudeste. Qual? É o poker. Em sua 11ª edição, o Brazilian Series of Poker tem três de suas oito edições fora de capitais do sudeste – uma em Natal, uma em Foz do Iguaçu e uma em Rio Quente, ao sul de Goiás. Além disso, em junho deste ano, ocorrerá uma etapa internacional em Punta del Este, no Uruguai.

Por ser jogado em hotéis, campeonatos de poker podem explorar todo o potencial turístico do país

Ao contrário de campeonatos das outras modalidades esportivas mais conhecidas do grande público, o poker não tem a rede hoteleira como um acessório da organização: no caso dos campeonatos, os hotéis acabam sendo os “estádios” da disputa.

Em São Paulo, por exemplo, os torneios ocorrem no centro de convenções do Sheraton WTC, ao lado da ponte estaiada – um dos principais pontos turísticos da cidade. Já no caso de Foz do Iguaçu, o foco das atividades ficou num dos mais luxuosos resorts da região Sul: o Wish Resort Golf Convention.

A região Centro-Oeste, por sua vez, está muito bem representada no calendário. A etapa de Rio Quente-GO tem seu início programado para quinta, 28 de abril, e tem como sede o Rio Quente Resorts – um dos complexos hoteleiros mais premiados do Brasil, com notas de avaliação altas dadas pelos próprios participantes.

A cidade de Rio Quente fica próxima à Caldas Novas – e está localizada em nascentes de água cristalina com temperatura que chega a quase 40º C. Assim, o próprio nome do município está mais do que explicado, não?

Terceira etapa do ano, Rio Quente pretende bater recordes do ano passado

Não é a primeira vez que a região sedia um torneio de poker. A primeira edição foi em 2010, com 335 inscritos. No ano passado, em comparação, esse número chegou a 661 – ou seja, o dobro de jogadores inscritos para o evento principal num espaço bem pequeno, apenas 5 anos. Isso representa um crescimento exponencial da modalidade.

A edição de Foz do Iguaçu e a de São Paulo, as duas primeiras deste ano, marcaram o calendário por também baterem recorde de inscritos. Com efeito, a expectativa é que o crescimento continue no paraíso turístico que é a cidade de Rio Quente. Existem duas formas de participar: ou o jogador paga uma inscrição ou tenta se qualificar “na raça” contra milhares de oponentes em torneios chamados de “satélites”. Caso o jogador opte pela segunda opção, pode transformar inscrição de cerca de um dólar num pacote com tudo pago para Rio Quente.

O campeonato brasileiro (BSOP) é organizado em várias etapas – por conseguinte, a classificação dos melhores jogadores se dá de modo acumulativo ao longo de todas as etapas do certame. No ano passado, por coincidência o grande campeão num campeonato extremamente disputado foi um jogador da região Centro-Oeste – o goiano João Bauer.

A etapa de Rio Quente-GO tem seu início programado para quinta, 28 de abril. (Foto: Divulgação)

Comentários