Caso pessoas não respeitem quarentena Dr. Antonio de Pádua Thiago afirma que pode pedir apoio do Exército

Com 13 casos de Covid-19 confirmados, sendo 11 da mesma família, a cidade de Brasilândia acendeu a luz vermelha.

Em entrevista exclusiva para o jornalista Ricardo Ojeda, o prefeito da cidade, dr. Antonio de Pádua Thiago, disse que, mesmo com o acréscimo de casos, a população continua não respeitando o distanciamento social.

“A coisa foi muito rápida, coisa de uma semana. De sábado retrasado para agora a coisa degringolou”, afirmou Thiago. “É um fato novo para todos nós. Tenho dito que o que a gente fala agora daqui a meia hora pode não valer mais, tamanha a velocidade das informações”, disse. “Mas uma coisa é essencial: evitar aglomeração’.

Mesmo com todos os dados de contaminação no município, as pessoas não seguiram as determinações feitas pela Prefeitura e voltaram a se aglomerar no domingo, Dia das Mães. “Eu acreditei que as pessoas fossem ter um pouco mais de consciência, mas infelizmente não foi o que vimos”, disse dr. Antonio.

Segundo ele, o final de semana “bombou” de denúncias. “O pessoal em bar, com a turminha, jogando caxeta; o povo nem aí”, afirmou.

Na sexta-feira, 8, foi editado um decreto bastante restritivo sobre a movimentação social, mas a população não tem aderido conforme o necessário. “Eu disse que esse primeiro decreto era de restrição e o próximo passo é o lockdown. Aí, sim, as pessoas vão entender o que vai ser a coisa”, alertou.

Lockdown a caminho

Dr. Antonio de Pádua afirmou que já se reuniu com o Jurídico da Prefeitura para avaliar a implantação do lockdown. “Não está descartado, muito pelo contrário. É fechamento total. Se for preciso vamos pedir o apoio do Exército para garantir o cumprimento das medidas”.

Brasilândia contabiliza hoje 13 casos confirmados de Covid-19; duas pessoas estão internadas em Três Lagoas. A cidade ocupa a segunda colocação em incidência da doença no estado, com 109 casos para cada 100 mil habitantes, atrás apenas de Guia Lopes da Laguna, com 343 casos/100 mil.

Acompanhe abaixo a entrevista completa:

Estive em Brasilândia e bati um papo com O prefeito, Antonio Thiago, sobre as ocorrências de Covid – 19, que está trazendo muita preocupação para as autoridades de Saúde e Sanitárias do município. O prefeito, diante da gravidade da situação, além da falta de colaboração da população não descarta decretar o fechamento total da cidade, o lockdown.Confira a entrevista…

Gepostet von Ricardo Ojeda am Montag, 11. Mai 2020
Comentários