Cidade também registrou mais um óbito, chegando aos 14 mortos em decorrência da doença; 443 pessoas já se recuperaram e 13 estão hospitalizadas

Três Lagoas registra, nesta quinta-feira, 30, mais 13 casos confirmados de Covid-19. Os pacientes são seis homens, com idades entre 20 a 66 anos, e sete mulheres, de 30 a 66 anos. Todos em isolamento domiciliar. Entre eles, sete tiveram contato com casos positivos, cinco não possuem vínculo com outros casos e um ainda está sendo analisado quanto ao contato com alguém já confirmado.

No hospital estão 13 pessoas: seis confirmados em UTI pública, um em UTI privada, um em enfermaria pública e um em enfermaria privada. Entre os suspeitos, um está em UTI privada e um em enfermaria pública e dois em enfermaria privada. Mais 10 pessoas finalizaram a quarentena e já não apresentam sintomas, sendo consideradas como recuperadas da doença.

A cidade também registrou mais um óbito em decorrência da doença. Trata-se do empresário Turquinho, de 56 anos. Com histórico de hipertensão arterial, ele estava internado desde o dia 27 de junho, testou positivo para a doença e necessitou da utilização de traqueostomia com ventilação mecânica, mas não resistiu e faleceu nesta manhã.

Em números atualizados, Três Lagoas chegou a 5811 notificações; destas, 650 foram confirmados, 4832 deram negativo e 327 estão em investigação. Outros 443 já se recuperaram da doença, 14 foram a óbito e dois foram excluídos. O número de casos ativos subiu para 193.

NOTA DO HOSPITAL

Três Lagoas, 30 de julho de 2020.

O Hospital Auxiliadora informa que um paciente de 56 anos deu entrada no dia 27/06 no Pronto Socorro COVID, apresentando tosse seca, dor no corpo e dores de cabeça, foi examinado, medicado e realizou exames, foi encaminhando a unidade COVID, paciente testou positivo para COVID-19, apresentou piora em seu quadro clínico e precisou ser encaminhado para a UTI COVID, ficou entubado, necessitou uma traqueostomia com ventilação mecânica. Paciente não resistiu e foi a óbito nesta quinta-feira, 30 de julho às 09h00. Paciente apresentava comorbidades como hipertensão e obesidade.

Comentários