Elas têm mais abertura às chamadas Soft Skills; evento do Sebrae/MS trará especialistas para discutir assunto em outubro

A principal característica exigida dos empreendedores do futuro será o domínio das chamadas Soft Skills, nome dado às competências, habilidades e atitudes voltadas à área comportamental. É o que revela a pesquisa qualitativa “Empreendedorismo do Amanhã”, realizada pelo Sebrae.  A aposta é que as habilidades socioemocionais serão cada vez mais exigidas também no mercado de trabalho.

Culturalmente, as mulheres têm uma abertura maior para o desenvolvimento das competências interpessoais e ligadas à inteligência emocional, e por isso, elas poderão ser consideradas as profissionais do futuro. É o que afirma a professora e psicóloga Desirée Cassado, da The School of Life, instituição referência internacional no tema de Habilidades Emocionais, com unidades no Brasil.

“Elas saem na frente em relação a esse tema, é como se tivessem uma ‘vida de treinamento’. Culturalmente, as mulheres já têm mais soft skills ou mais abertura em relação a aprender a se comunicar melhor e entender a influência das emoções nas suas atitudes. Tenho certeza que a mulher é a profissional do futuro, ela é flexível, adaptável, mais resiliente”, afirma Cassado.

Quanto às principais competências interpessoais, todos os especialistas ouvidos na pesquisa “Empreendedorismo do Amanhã”, divulgada em 2019 pelo Sebrae, afirmam que o perfil desejado de empreendedor ou empreendedora do futuro será quem possuir criatividade e inovação para acompanhar tendências tecnológicas; trabalho em equipe a partir da empatia; resiliência ao longo da trajetória e uma visão sustentável e holística do mundo.

“Elas saem na frente em relação a esse tema, é como se tivessem uma ‘vida de treinamento’. Culturalmente, as mulheres já têm mais soft skills ou mais abertura em relação a aprender a se comunicar melhor e entender a influência das emoções nas suas atitudes. Tenho certeza que a mulher é a profissional do futuro, ela é flexível, adaptável, mais

resiliente”

Desirée Cassado – professora e psicóloga

Para a professora e psicóloga Desirée Cassado, as competências interpessoais podem ser estratégicas para as mulheres, principalmente no mundo dos negócios. “Devido as mulheres terem um papel social onde acabam infelizmente serem vitimadas pela sobrecarga do trabalho, ter inteligência emocional pode fazer com que elas consigam impor limites e consigam administrar melhor as demandas”, destaca.

Jornada para mulheres empreendedoras

Para ajudar as empreendedoras sul-mato-grossenses a terem mais estratégia, o Sebrae/MS realizará entre os dias 20 a 26 de outubro o evento Jornada Mulher de Negócios. A programação inclui uma jornada de habilidades socioemocionais on-line e gratuita para as mulheres, para que elas saibam como incorporá-las no mundo dos negócios.

A jornada irá trabalhar oficinas nos temas: Autocuidado – equilibrando a saúde física, mental e emocional; Comunicação – como falar a favor do seu negócio; Adaptabilidade – o lado bom da mudança e Amar a si mesmo – como a autocompaixão pode ajudar. Todas as oficinas serão ministradas por profissionais da The School of Life.

Para a diretora-técnica do Sebrae/MS, Maristela França, que iniciou o projeto de fomento ao Empreendedorismo Feminino na instituição – atualmente presente em mais 12 estados brasileiros –, o evento será uma oportunidade para as mulheres de todo o estado se capacitarem.

“Essa jornada foi definida com base em pesquisas ouvindo as empresárias, sobre o que elas gostariam que trouxéssemos neste evento. Nossa expectativa é que haja adesão das empreendedoras de todo o estado, porque a maior parte dele será on-line. Enfatizando aqui que as soft skills são muito valorizadas hoje na questão da empregabilidade também, não só do empresariado”, afirma.

A expectativa é que mais eventos sobre soft skills sejam realizados pela instituição no futuro. Para participar da Jornada Mulher de Negócios, as interessadas devem se inscrever gratuitamente em: mulherdenegocios.ms.sebrae.com.br. Mais informações pela Central de Atendimento do Sebrae, em 0800 570 0800.

(*) Assessoria de Comunicação

Comentários