25.2 C
Três Lagoas
terça-feira, 16 de agosto, 2022
InícioEconomiaCom o apoio da Suzano, ACLAMS se prepara para alcançar novos mercados

Com o apoio da Suzano, ACLAMS se prepara para alcançar novos mercados

Associação de Artesãos da Costa Leste obteve recurso necessário para o processo de inscrição estadual por meio das oportunidades de negócios registradas no estande da Suzano durante a Show Florestal

A Associação Costa Leste de Artesãos de Mato Grosso do Sul (ACLAMS), instituição apoiada pela Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, se prepara para ganhar novos mercados consumidores dentro e fora do Estado. Neste mês de junho a instituição deu início ao processo para efetivar a inscrição estadual da associação, condição para que a instituição possa emitir nota fiscal como pessoa jurídica.  

A ação, que deverá aquecer as vendas de artesãos e artesãs locais, é fruto da participação da instituição no estande que a Suzano montou durante os três dias da Feira Show Florestal, evento realizado no mês passado em Três Lagoas. Em apenas três dias de feira, a ACLAMS comercializou mais de 112 peças de artesanato, o que viabilizou o recurso necessário para dar entrada na inscrição estadual.

“Recebemos visitantes e compradores de outros seis estados brasileiros e até do Canadá, Estados Unidos, China, Coreia do Sul e Espanha, que depois nos visitaram também na Casa do Artesão de Três Lagoas. Muitos passaram a saber da nossa existência e da parceria que temos com a Suzano. Foi uma oportunidade única para nós. A nossa expectativa é aumentar nosso volume de produção e vendas após concluirmos essa etapa da inscrição estadual”, ressalta Aline Araújo, presidente da ACLAMS.

A conquista da associação também foi comemorada pelo coordenador de Desenvolvimento Social da companhia, Israel Batista Gabriel. “Nós temos um direcionador que diz: ‘Só é bom para nós se for bom para o mundo’ e os resultados obtidos pelas instituições apoiadas pela empresa vem ao encontro desse valor. Nós conseguimos promover também o trabalho desenvolvido por essas instituições e vimos no evento o quanto a união de artesãos e apicultores em associações ou cooperativas os fortalece e contribui para alavancar as vendas, gerando trabalho e renda na região”, ressalta Gabriel.

ACLAMS faz parte do projeto “Arte feita à Mão”, desenvolvido por meio de uma parceria entre Suzano e Sebrae com o objetivo de promover a identidade cultural da Costa Leste de Mato Grosso do Sul por meio de qualificações e consultoria técnica.

Programa Colmeias

Além da ACLAMS, também compartilharam o estande da Suzano a Associação Três-lagoense de Apicultura (ATLA) e a Cooperativa Regional de Apicultura e Meliponicultura de Mato Grosso do Sul (COOPERAMS), ambas integrantes do Programada Colmeias, desenvolvido pela Suzano para o fortalecimento da apicultura em Três Lagoas e em toda a região do Bolsão de Mato Grosso do Sul.

O presidente da ATLA, Eduardo Moreno, afirma que o resultado superou as expectativas. “Foi muito além do que imaginávamos, recebemos visitas de várias autoridades e de pessoas que vieram de outros estados, do Paraguai e dos Estados Unidos, e ainda fomos entrevistados por uma rádio local, quando pudemos divulgar nosso trabalho e o Colmeias”.

Presidente da COOPERAMS, Claudio Ramires Koch, considera também importantes as parcerias comerciais feitas. “Agregou muito nesse sentido.  Conseguimos fazer contato com empresário que quer conhecer a cooperativa para futuras parcerias”.

As associações de apicultores integram o Programa Colmeias, que visa promover a geração de trabalho e renda no campo por meio de apoio técnico e de consultoria especializada, além de ceder áreas florestais para a implantação das colmeias.

Sobre a Suzano

A Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel. Com 97 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países. Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br

Comentários
MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.