21/08/2019 07h23

Além do óleo do motor, há outros fluidos em que você precisa ficar de olho para cuidar do funcionamento do seu veículo

Thiago Gama

A troca de óleos é algo fundamental para o bom funcionamento de qualquer veículo. Os fluidos do carro precisam sempre estar em constante troca para que cumpram bem suas funções. Existem vários fluidos a serem revisados periodicamente, para saber se obter um bom desempenho das peças do carro.

Visto que a principal função desses lubrificantes é reduzir o atrito entre as peças, além de evitar a oxidação, corrosão e contribuir para uma boa troca de calor, esses produtos precisam estar dentro das condições de uso, para não prejudicar o funcionamento do carro.

Conheça agora alguns itens que você deve ficar atento, segundo o artigo publicado pelo site Ituran.

Motor: Com o motor frio, a verificação do nível do óleo deve ser feita constantemente. Para isso, usa-se a vareta, que serve para medir a quantidade de óleo no cárter e deve ficar entre as marcas ‘mínimo e máximo’. A recomendação é fazer a troca a cada 10 mil km rodados ou a cada seis meses, para evitar o superaquecimento, as possíveis borras e o desgaste das peças do motor.

Freios: Com verificação feita a cada trinta dias, o óleo dos freios garante a transmissão da pressão que aciona as pastilhas e lonas do sistema de freios.

Direção: A média para fazer a troca dos óleos da direção é entre 35 mil e 50 mil quilômetros. Em caso de invalidez do mesmo, os ruídos podem gerar grandes problemas nas engrenagens. Por ser altamente inflamável, é preciso ficar atento também a possíveis vazamentos.

Aditivo para água: Esse aditivo é aquele usado para evitar ferrugem e estabilizar a temperatura interna do motor. Para usá-lo, é preciso verificar a quantidade indicada no manual do veículo.

Limpador de para-brisas: Isso mesmo, até os limpadores de para-brisas possuem um aditivo correto para ser usado. Nada de usar detergente doméstico no reservatório de água dos vidros, pois eles podem corroer as borrachas. Além de limpar, o aditivo certo pode também hidratar as palhetas do seu limpador.

Recomendação

Vale reforçar que deve-se evitar comprar um tipo de óleo diferente daquele especificado no manual do proprietário de seu veículo. A atenção deve ser redobrada após realizar a substituição do óleo lubrificante com a especificação correta, não tenha medo de comprar pela internet, desde que seja em lojas online confiáveis como o rexbo.pt ou lojas físicas de autopeças.

Foto: Divulgação

Comentários