25/02/2019 14h22

Mohamed pediu apoio ao órgão em favor da população surpreendida com os últimos aumentos nas tarifas de energia

Redação

O coordenador do Procon da Prefeitura de Três Lagoas, Mohamed Youssef El Jarouche, participou de uma reunião na última quarta-feira (20) com membros da Comissão de Defesa dos Direitos do Consumidor (CDDC) da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MS), em Campo Grande, para discutir assunto relacionado ao aumento sobre o valor da conta de energia.

Na ocasião, também esteve presente o coordenador do Procon do Município de Brasilândia, Jair Bezerra Xavier que, também buscava providências em relação ao problema. Ambos os coordenadores procuraram a CDDC para interceder pelas cidades onde a Elektro é a concessionária responsável pela distribuição de energia. A OAB/MS, que já havia se pronunciado pelo aumento nas contas onde a Empresa Energisa opera, agora deve interceder pelos dois Municípios.

Para Mohamed, a reunião foi muito proveitosa e aponta uma esperança em relação ao desespero da população diante do aumento nas contas. “Desde o início do ano, a Elektro tem sido alvo de muita reclamação diante do alto valor nas contas que pegou o povo de surpresa. Não queremos confrontar a Empresa, mas, estamos buscando as alternativas possíveis para que possamos sanar o problema, visto que os consumidores vêm sendo prejudicados. O prefeito Angelo Guerreiro nos cobra essa atuação e, também está empenhado em encontrar a melhor resolução para ambas as partes”, falou Mohamed.

No próximo dia 28, o coordenador participará de audiência pública na Câmara Municipal em Brasilândia sobre energia elétrica, onde estarão presentes os representantes dos Procons dos dois municípios, da OAB, da Empresa Elektro e da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Recentemente, o Procon-TL intermediou uma conversa com representantes da Elektro e populares que se manifestaram nas redes sociais diante da alta de preço cobrado sobre o fornecimento de energia.

Comentários