14/11/2006 17h30 – Atualizado em 14/11/2006 17h30

TV Morena

O Comando da Aeronáutica divulgou nota nesta terça-feira informando que foi acionado um plano de emergência para tentar normalizar o tráfego aéreo e evitar os atrasos nos vôos. Assim como aconteceu no feriado prolongado de Finados, os controladores de vôo que estiverem de plantão “permanecerão na organização militar, de maneira a atender às necessidades operacionais de serviço”. Confira a íntegra da nota, assinada pelo Centro de Comunicação Social da Aeronáutica: “Hoje, (14/11) às 10h30, foi acionado o plano de reunião do Primeiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA I), com o objetivo de normalizar as escalas de serviço relativas ao centro de controle de área daquela organização militar. Essa medida tem como principal meta a manutenção da eficiência no serviço prestado, sempre com a garantia dos níveis de segurança de vôo previstos. “O plano de reunião é um procedimento administrativo previsto na legislação em vigor, comum a todas as organizações do Comando da Aeronáutica e tem o objetivo de reunir, no menor tempo, todo o efetivo de uma Unidade a fim de atender a possíveis situações especiais ou emergenciais. “Durante o período em que o plano de reunião estiver ativado, os militares do efetivo do CINDACTA I permanecerão na organização militar, de maneira a atender às necessidades operacionais de serviço. Vale esclarecer que toda a legislação referente à jornada de trabalho e períodos de descanso continuará sendo cumprida normalmente. “A fim de evidenciar a transparência e a legalidade das medidas adotadas, o Procurador Giovanni Rattacaso, do Ministério Público Militar, acompanhará nas instalações do CINDACTA I todo o processo adotado.”

Comentários