25/08/2014 12h00 – Atualizado em 25/08/2014 12h00

Parceria entre Eldorado Brasil e DNIT diminui caminhões nas estradas em horários de pico e melhora o trânsito local entre as cidades

Da Redação

Na primeira quinzena de agosto, a área de Infraestrutura e Logística da Eldorado Brasil Celulose, em parceria e com a orientação do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT) iniciou a implantação de Controle de Tráfego entre as cidades de Água Clara e Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul.

Em poucos dias de alteração, os resultados já têm surpreendido os usuários. Para o representante comercial Erasmo Longui, que reside em Três Lagoas e utiliza a BR 262 com frequência, a quantidade de caminhões que transportam madeira mudou visivelmente. “Viajo praticamente toda semana para Campo Grande e sempre utilizo rodovia. A melhora do tráfego de caminhões foi extremamente perceptível. O volume parece estar melhor distribuído e isso facilita inclusive ultrapassagens, tornando as viagens mais tranquilas e seguras”, comemora.

A ação, que objetiva diminuir o volume de caminhões – especialmente com duas ou três carrocerias – circulando pela BR-262 entre o trecho de Água Clara a Três Lagoas, em horários de pico, conta com quatro ações específicas: controle de fluxo de tráfego nas saídas das fazendas, diminuindo os comboios; utilização de rotas alternativas pelas rodovias MS-377 e MS-112; intensificação das orientações contínuas aos motoristas e usuários das vias, e escolha estratégica das fazendas nas quais haverá colheita, para diminuir fluxo de caminhões no mesmo trecho.

“Trabalhamos continuamente para melhorar as estradas e o tráfego na região. Considerando que o transporte de carga pelas rodovias é fundamental para a economia da cidade e do Estado, no entanto, é preciso visar essencialmente a segurança do usuário em geral. Desta forma, uma vez que este segmento de rodovia estará em obras de restauração brevemente, propomos ajustes de rotas e horários que estão sendo aplicados com excelência pela Eldorado e na primeira semana de implantação já trouxe excelentes resultados”, comemora Milton Rocha Marinho, engenheiro supervisor da Unidade Local do DNIT – Três Lagoas (MS).

Para Niego Farias, especialista em Estradas da Eldorado Brasil e responsável pelo projeto, o tráfego adequado à capacidade das rodovias e cooperação de todos os envolvidos é o segredo para o sucesso da ação. “A BR-262 é utilizada para o transporte de carga, mas também pela comunidade, o que inclui também, colaboradores da Eldorado. Parcerias como esta com o DNIT, que implementa inteligência nas rodovias para otimizar períodos de menor fluxo e diminuir riscos para os motoristas, são essenciais para bom convívio da comunidade”, afirma.

De acordo com Marinho, medidas como esta atendem a sustentabilidade do transporte em detrimento à segurança das pessoas. “As rotas alternativas, somadas ao monitoramento 24 horas, que restringe os horários de pico do trânsito e otimiza as vias em horários de baixo fluxo. Manter a sustentabilidade do processo, diminuído o risco aos usuários típicos da rodovia, é um dos nossos principais objetivos”, completa.

SOBRE ELDORADO BRASIL

A Eldorado Brasil é uma empresa brasileira com alcance global, que produz celulose a partir de florestas certificadas de eucalipto – fonte 100% renovável –, com garantia de práticas sustentáveis, competitividade, alta tecnologia, inovação de processos, valorização de pessoas e foco no cliente interno e externo. Instalada em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, tem logística integrada e rede de distribuição estrategicamente localizada nos principais mercados consumidores mundiais.

(*) Com informações de Assessoria de Imprensa

Comentários