Acidente aconteceu no final da tarde de ontem, 4, em Corumbá

A professora Elida Aparecida Campos, 44, coordenadora da APAE de Corumbá, morreu ontem, 4, após o carro dela ter sido atingido por um vagão de trem que descarrilou.

O acidente aconteceu em um cruzamento com linha férrea na avenida Gaturama com a Rui Barbosa no Bairro Centro América. O carro de Elida, um Fox, foi atingido pelo vagão desgovernado no cruzamento. Ela ficou presa nas ferragens e foi socorrida inconsciente e em estado grave à Santa Casa local, mas morreu durante a cirurgia em decorrência de uma intensa hemorragia.

O acidente

De acordo com testemunhas, seis vagões teriam se soltado na saída de Corumbá. O maquinista fazia manobras entre os bairros Centro América e Previsul, próximo ao hotel Farias, na avenida Gaturama com a Rui Barbosa, quando os vagões de desprenderam.

O trem pertenceria a uma empresa boliviana e seguia para o Portal de Entrada de Corumbá e Ladário quando o acidente aconteceu. Segundo os bombeiros, o vagão que atingiu o veículo de Elida transitou por aproximadamente dois quilômetros até a colisão no cruzamento.

O carro da coordenadora foi arrastado por 100 metros. Após a batida, o vagão ainda percorreu mais dois quilômetros, até parar próximo ao Fórum da cidade. Além do Fox de Elida outros dois carros e uma moto foram atingidos, porém ninguém ficou gravemente ferido.

As causas do acidente e a responsabilidade pelos vagões estão sendo apuradas pela Polícia Civil.

A concessionária da malha ferroviária Oeste, Rumo Logística, antiga ALL (América Latina Logística) confirmou em nota que os seis vagões que se desprenderam são pertencentes a uma empresa boliviana. Segundo a Rumo, o trem e o terminal não pertencem e não são operados pela concessionária.

Leia nota da Rumo

Seis vagões de um trem boliviano se soltaram atingindo automóveis em uma passagem em nível na tarde de hoje em Corumbá (MS). O comboio estava estacionado num terminal ferroviário. O trem e o terminal não pertencem e não são operados pela concessionária da ferrovia, que enviou equipes para o local e está apurando as causas do acidente.

Assessoria de Imprensa da Rumo

Comentários