08/06/2017 09h54

Jovens teriam sido sequestradas a mando do ex-namorado de uma das vítimas

Flávio Veras

Duas irmãs, que tinham sido sequestradas foram encontradas mortas na tarde de ontem (7), em Pedro Juan Caballero (PY), na fronteira com Ponta Porã (MS). Os corpos estavam sem cabeça e carbonizados na carroceria de uma caminhonete, que foi incendiada. Porém, no mesmo dia a restante os membros que faltavam foram encontrados pelo polícia.

De acordo com as informações da Divisão de Homicídios da Policia Nacional, as irmãs, Fabiana Aguayo Baez, 23, e Adriana Aguayo Baez, 28, estavam em casa quando que, por volta das 15h de ontem, homens armados e encapuzados chegaram em caminhonetes, invadiram a casa, mataram o cachorro e levaram as vítimas. Já os corpos, foram encontrados em uma estrada vicinal, a oito quilômetros da fronteira com o Brasil.

Eles estavam na carroceria de uma caminhonete, totalmente queimados. Uma motosserra e um machado teriam sido utilizados na execução das jovens.

A Polícia Civil paraguaia investiga se as mortes foram encomendadas pelo ex-marido de Fabiana, identificado como Juliano Pereira, 39, que está preso em Campo Grande (MS). Ele não teria aceitado o fim do relacionamento, há 15 dias. Após o término, ele teria feito várias ameaças de morte à jovem, mesmo de dentro da prisão.

Vítimas foram encontras carbonizadas na carroceria de uma caminhonete. (Foto: Reprodução/Porã News)

Vítimas foram encontras carbonizadas na carroceria de uma caminhonete. (Foto: Porã News)

Vítimas foram encontras carbonizadas na carroceria de uma caminhonete. (Foto: Direto das Ruas)

Comentários