21/05/2019 15h22

Pregão ocorre exclusivamente online; entre as ofertas destaca-se uma Hyundai Santa Fé, modelo 2011/2012 com lance inicial fixado em R$ 5 mil

Redação

Quem está de olho na compra de um carro usado tem pouco mais de uma semana para aproveitar uma ótima oportunidade de comprar veículos a preços bastante atrativos.

Até o dia 29 de maio a Corregedoria-Geral de Justiça do Mato Grosso do Sul coloca em leilão 170 veículos, a maioria fruto de apreensões e boa parte em condições totais de trafegabilidade. O pregão acontece exclusivamente na modalidade eletrônica (online), sob a condução do leiloeiro oficial Tarcílio Leite.

Entre os veículos está um Hyundai Santa Fé, modelo 2011/2012 com lance inicial fixado em R$ 5 mil. Também chama atenção um Chevrolet S-10 LT DD4 a diesel modelo 2012/2013 com valor inicial em R$ 2 mil. Dentro dos 170 lotes estão ainda diversas motos, caminhões e sucatas.

Estão aptas a participar do arremate de veículos com direito à documentação (para circulação), pessoas físicas (maiores de 18 anos) e jurídicas. Serão admitidos lances através de procuradores desde que estejam munidos de instrumento público ou particular de mandato. A participação no pregão de veículos sem direito à documentação (sucatas) estará aberta apenas para as empresas devidamente registradas junto aos órgãos executivos de trânsito de seus respectivos estados.

Cada lote poderá ser visitado pelo interessado nos dias 27 e 28 de maio de 2019, das 9 às 11 horas e das 13h30min às 17 horas. Os locais para esta inspeção estão indicados no anexo do edital. Esta avaliação da parte do interessado será permitida apenas da forma visual, vedados outros procedimentos como manuseio, experimentação e/ou retirada de peças.

Além do conteúdo do edital do leilão, informações mais detalhadas podem ser solicitadas junto à equipe da Casa de Leilões pelos fones 67-3363-7000 e 67-3363-5399. Contatos também estão abertos via e-mail: [email protected]

Alguns dos 170 veículos que estão sendo leiloados pela Corregedoria-Geral de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul. Fotos: Jocemir Lenz

Comentários