22/04/2014 15h23 – Atualizado em 22/04/2014 15h23

Dados da Sejusp conferem o aumento dos assassinatos, em comparação com mesmo período do ano passado

Da redação

O número de homicídios dolosos teve crescimento de 13,5% de 1º de janeiro até 18 de abril deste ano em Mato Grosso do Sul em relação ao mesmo período do ano passado, segundo levantamento da Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública). Na Capital, houve aumento de 22% no número de assassinatos, mas a violência não superou 2010. Em Três Lagoas, até o momento, foram sete homicídios em 2014.

Neste ano, segundo dados da Sejusp, 176 pessoas foram mortas a tiros ou facadas no Estado. O número é 13,5% superior aos 155 homicídios dolosos registrados no mesmo período do ano passado em MS. O número é o maior dos últimos cinco anos, considerando-se 2012 (152 óbitos), 2011 (145) e 2010 (166). No entanto, a violência é maior no interior do que na Capital.

Em Campo Grande, de 1º de janeiro a 18 de abril deste ano, a Polícia Civil registrou 43 assassinatos, contra 35 no mesmo período de 2013. O número deste ano só não superou os 44 homicídios contabilizados em 2010. Nos outros anos, o número ficou abaixo de 40 (37 em 2011 e 39 em 2012).

Já no interior, a violência bate recorde. Foram 133 homicídios neste ano, o que significa aumento de 10,8% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram 120 mortes. Mas o número é o maior já registrado nos últimos cinco anos, já que foram 113 em 2012, 108 em 2011 e 122 em 2010. (CG News)

Comentários