14/06/2015 10h02 – Atualizado em 14/06/2015 10h02

O curso formou cerca de 50 agentes voluntários para atuarem na prevenção e auxilio em situações de calamidade

Assessoria

Foi encerrado na tarde desta sexta-feira (12) o curso de formação de Agentes Voluntários da Defesa Civil (AVDC) iniciado na última segunda-feira (8) com a participação de representantes de Brasilândia, Bataguassu, Santa Rita do Pardo, Água Clara, Selvíria e da anfitriã do curso, Três Lagoas.

O curso, que já foi realizado nas cidades polos de Coxim e Ponta Porã, abrangeu em Três Lagoas, representantes da Polícia Militar, Bombeiros, Aeroporto Municipal, Exército e outras instituições, além da sociedade civil.

Nesta plataforma de ensino, segundo a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Mato Grosso do Sul (CEDEC/MS), o curso formou cerca de 50 agentes voluntários preparados para prestar o primeiro atendimento nos desastres, por isso a capacitação consiste em aulas didáticas sobre Política Nacional de Proteção e Defesa Civil, estudo do desastre como também aulas práticas de Atendimento Pré-hospitalar (APH), combate a incêndio urbano e florestal, radiocomunicação emergencial nas catástrofes e simulado no final do curso onde os alunos colocam em pratica o aprendizado da capacitação.

SIMULAÇÃO

Após o treinamento teórico, os agentes foram levado até o Aeroporto Municipal de Três Lagoas onde simularam um acidente aéreo com diversas vítimas e combate à incêndio, situação onde puderam por a prova tudo que aprenderam nos dias anteriores.

Conforme o coordenador estadual da Defesa Civil, Isaias Ferreira Bittencourt, esse curso forma o corpo de voluntários que auxiliará em diversas situações de desastres. “É muito importante a atuação da Defesa Civil, por isso realizamos esse curso, pois sempre que for necessário teremos agentes preparados para atuar onde for preciso, principalmente no intuito de prevenir tragédias”, ressaltou.

Com o curso, que já foi realizado em outros anos, o Aeroporto Municipal passou a contar com uma equipe de agentes voluntários da Defesa Civil composta por seus próprios funcionários, permitindo que assim saibam lidar melhor com situações de calamidade.

CARGA HORÁRIA

O curso de capacitação teve carga horária de 60 horas em período integral e os agentes receberam dois certificados: o de AVDC (40 horas) e Combate à Incêndio Florestal (20 Horas).

AGENDA

Conforme os organizadores, o curso também será realizado nas cidades polos de Aquidauana, Jardim, Corumbá, Dourados, Naviraí, Nova Andradina, Paranaíba e Campo Grande, atendendo aos municípios dessas micro regiões.

(*) Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Três Lagoas

O curso, que já foi realizado nas cidades polos de Coxim e Ponta Porã, abrangeu em Três Lagoas, representantes da Polícia Militar, Bombeiros, Aeroporto Municipal, Exército e outras instituições. (Foto: Assessoria)

Comentários