15/01/2019 07h46

Deputados de MS apoiam criminalização de caixa 2

Eles estão dispostos a votar a favor do pacote anticorrupção proposto pelo ministro da Justiça

Redação

Os deputados federais sul-mato-grossenses Rose Modesto (PSDB), Dagoberto (PDT) e Fábio Trad (PSD) são favoráveis ao projeto do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, que visa criminalizar o caixa 2 nas campanhas eleitorais. O texto deve ser apresentado pela pasta no próximo mês, na Câmara dos Deputados.

A medida, segundo Rose Modesto, foi considerada importante para “evitar que se repitam casos como os que são investigados hoje tanto pela Polícia Federal quanto pela Justiça. Voto a favor de um projeto com este teor”.

Outro parlamentar que é enfático na necessidade de se votar a favor do projeto é Dagoberto. “Ao criminalizar o caixa 2, coíbe-se esta prática, além de tornar o processo eleitoral mais democrático por dar igualdade reais a todos os candidatos”.

Assim como Dagoberto, Fábio Trad mostrou-se “simpático” ao projeto. No entanto, ele ressaltou a necessidade de analisar “como vem o texto, se haverá aumento de multa ou prisão, se é reclusão ou detenção”. “Vou analisar as questões técnicas da medida para ver se terá eficácia no combate à corrupção”, disse.

(*) Correio do Estado

Fábio Trad defende a proposta, mas alertou sobre a necessidade de analisar melhor o texto - Foto: Arquivo / Correio do Estado

Comentários