02/04/2019 10h23

Veículo foi detido em Iguatemi e, segundo o DOF, não pertence à empresa identificada no tanque

Redação

Um caminhão bitrem carregado de solvente foi apreendido na noite de domingo, 31, em Iguatemi. Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) foram responsáveis pela apreensão.

O solvente é, possivelmente, utilizado para adulteração de combustível no Brasil.

A apreensão ocorreu durante uma abordagem do bloqueio policial para fiscalização na rodovia MS-295. O condutor, um homem de 38 anos de idade, disse aos policiais que transportava solvente, carregado em Sete Quedas (MS), até a cidade de Colombo (PR). Questionado sobre o local de origem do carregamento, o homem indicou uma empresa fictícia. Em frente ao local indicado, do outro lado da divisa com o Paraguai, os policiais constataram um galpão grande e com tanques.

O plantonista da Receita Federal entrou em contato com o proprietário da suposta empresa e o homem relatou tratar-se de uma devolução. A Receita Federal constatou a entrada do veículo no Estado por onze vezes, sendo toda elas registradas como produto de devolução.

ESCLARECIMENTO DO DOF

Apesar do caminhão estar adesivado com a marca da distribuidora de combustíveis Taurus, o Departamento de Operações de Fronteira emitiu um comunicado dizendo que a estampa da marca no tanque se tratava de uma fraude.

“O DOF vem a público esclarecer que o condutor do veículo IVECO/FIAT carregado com solvente (…) não possui qualquer vínculo com a empresa distribuidora de combustíveis Taurus, cujo logotipo encontra-se estampado em sua carroceria”, afirma a nota.

O DOF diz, ainda, que o motorista já possui “diversas” passagens pela Polícia e que “se utilizou do logotipo de empresa idônea justamente com o intuito de burlar a fiscalização”.

Nota de esclarecimento enviada pelo DOF. Clique para ampliar

Comentários