Entre estes automóveis estão carretas, caminhões, carros de passeios, caminhonetes, motos e até ônibus utilizados no tráfico de drogas, contrabando e descaminho

No ano em que o Departamento de Operações de Fronteira (DOF) bateu vários recordes em apreensões de drogas o número de veículos apreendidos não poderia ficar de fora e chegou a marca de 787 automóveis. São carros de passeios, caminhonetes, motos, caminhões, carretas, bicicletas e ônibus utilizados para o cometimento de vários crimes ligados ao tráfico de drogas, contrabando e descaminho.

Somente em 2020, foram 509 carros de passeios utilizados para as mais diversas práticas criminosas. Ainda este ano, também foram apreendidos com droga, cigarro e produtos de descaminho e contrabando 49 caminhões 30 a mais que no ano passado. Já o número de carretas apreendidas passou de 13 em 2019 para 37 este ano.

Veículos utilitários e caminhonetes foram apreendidos 41 e 56 respectivamente. Já motocicletas foram apreendias 64 e um ônibus com produto de descaminho. Para se ter uma ideia dos meios utilizados pelos criminosos, mais de 800 quilos de drogas foram apreendidos sendo transportados em bicicletas este ano.

Para tentar passar pela barreiras e abordagens vários compartimentos ocultos são feitos nestes veículos, na intenção de escapar das fiscalizações. De acordo com o Diretor do DOF, Coronel Wagner a expertise dos policiais do DOF aliado às estratégias de enfrentamento ao crime organizado na fronteira tem trazido importantes resultados.

“Descapitalizar as organizações criminosas enfraquecendo-as tem sido uma ferramenta importante nessa complexa tarefa e representa uma vitória para toda sociedade brasileira, que deve enxergar nessas ações um menor financiamento para a violência”, concluiu Coronel Wagner.

Comentários