Proposta inclui aumento no ticket alimentação e antecipação do prêmio-produtividade; assembleias serão realizadas na próxima semana na frente da fábrica

Representantes da Eldorado Brasil e do Sititrel – Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Papel e Celulose de Três Lagoas estiveram reunidos ontem, 18, na sede da fábrica para discutir uma nova proposta de acordo coletivo aos trabalhadores.

Um mês após a recusa do reajuste salarial, a Eldorado Brasil propôs um ticket alimentação de R$ 300; passaram de 150 para 180 dias a complementação salarial para quem está afastado, hora de emergência (pagamento de uma hora e meia de trabalho para quem for chamado e permanecer menos desse tempo na empresa), além de antecipar o prêmio produtividade que seria pago em janeiro para o mês de dezembro, no valor de R$ 1.310 referente a parcela que não foi atingida no meio do ano.

O percentual de reajuste salarial foi mantido em 3,16%. De acordo com o presidente da categoria, Almir Morgão, a nova proposta será levada para assembleia e os trabalhadores irão decidir. “O sindicato é a ponte entre os interesses dos funcionários e a empresa. Iremos explicar para todos cada item apresentado pela Eldorado e eles optarão por aceitar ou não essas novas condições”.

As assembleias acontecerão na próxima semana em frente à fábrica.

Comentários