16/08/2014 11h58 – Atualizado em 16/08/2014 11h58

Em dois dias, PRF prende três e autua 21 condutores por embriaguez

Balanço parcial da operação, divulgado agora há pouco pela PRF, aponta que a ação, iniciada ontem no trecho urbano da BR-262, está obtendo resultados positivos em termos de fiscalização

Léo Lima com assessoria

Lançada na quinta-feira (14) passada em Três Lagoas, a Operação Falco, em dois dias resultou na fiscalização em 857 veículos, 845pessoas, 163 testes de etilômetro realizados, 281 autos de infração, sendo 21 por embriaguez, 27 carteiras nacional de habilitação recolhidas, 11 veículos retidos, três pessoas presas, 47 documentos retidos e 316 imagens de radar produzidas.

A operação conta com um incremento no efetivo na região, participando aproximadamente 70 policiais, 15 viaturas e 20 motocicletas para realizar a fiscalização, garantir a ordem e segurança das rodovias federais.

EQUIPAMENTOS

Também estão sendo utilizados radares fotográficos digitais para coibir o excesso de velocidade, etilômetros para combater a embriaguez ao volante, corpo de motociclistas da PRF e ônibus multimissão, onde é oferecido o cinema rodoviário com fins educativos aos condutores que são flagrados cometendo alguma infração.

A intenção da Operação, além do combate ao tráfico de drogas e roubo de motocicletas, que poderá aumentar no período da realização do Motoshow, é inibir crimes de trânsito que possam ser cometidos por condutores, além da fiscalização a equipamentos obrigatórios de segurança, alteração de características e estado de conservação dos veículos.

A Operação Falco da Polícia Rodoviária Federal segue neste sábado (16) até a madrugada de domingo (17), com previsão de encerramento na segunda-feira (18).

Durante a operação, já foram autuados 21 condutores por embriaguez e três foram presos (Foto: Rodolfo Gomes)

No período noturno, na sexta-feira, vários condutores foram flagrados cometendo infrações (Foto: Divulgação)

Policial aplica o teste do bafômetro em um motociclista barrado na operação (Foto: Divulgação)

Comentários