Grupo de amigos estavam reunidos em um rancho na tarde de sábado, quando um deles ao manusear uma espingarda calibre 12, que disparou no chão. Um projétil atingiu o tórax da vítima

Uma equipe da Polícia Militar de Três Lagoas foi acionada na tarde de ontem (sábado) pelo COPOM para se deslocar ao Hospital Auxiliadora, onde uma pessoa deu entrada no pronto socorro com uma perfuração no tórax do lado esquerdo (debaixo do braço esquerdo), proveniente de projétil de arma de fogo, que inclusive permanecia alojado no corpo da vítima.

Em conversa com os policiais a vítima relatou que estava em um rancho com alguns amigos e que em dado momento um deles em posse de uma arma de fogo tipo espingarda calibre 12, ao manusear a arma, veio a disparar acidentalmente no solo, porém a munição (projétil) ou estilhaço acabou acertando o tórax do lado esquerdo próximo a axila resultando assim neste incidente.

Espingarda, pistolas e munições foram apreendidas pelas policiais (Foto: Assessoria)

Diante das informações os policiais deslocaram para o local indicado e no trajeto abordaram o veículo Amarok de cor branca com quatro pessoas do sexo masculino.

Prontamente um dos abordados relatou que a vítima de nome é seu amigo e que por um erro no manuseio de sua arma veio a atingi-lo sem intenção. Disse também que na caminhoneta estava a espingarda e sua pistola com algumas munições.

Diante das informações prestada pelo autor e vítima, foi elaborado este Boletim de Ocorrência policial para que seja tomada as devidas providências cabíveis.

(*) A nota distribuída pela assessoria da Polícia Militar não informou se o homem ficou detido ou se possuía licença ou porte de arma

Comentários