06/05/2015 12h21 – Atualizado em 06/05/2015 12h21

Em pouco mais de um mês, os casos praticamente dobraram.

Da Redação

Do início do ano , 71 casos de pessoas com suspeita de contaminação pelo vírus influenza H1N1, causador da gripe A, foram registrados em todo o Estado. Em pouco mais de um mês, os casos praticamente dobraram.

Boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) revela que o número de notificações saltou de 36, dado divulgado no último boletim do mês passado, para 71. Um aumento de 97%.

Assim como no boletim anterior, apenas um caso foi confirmado, na Capital. Campo Grande é a cidade que concentra a maioria dos casos até agora, 59. Completam o ranking os municípios de São Gabriel do Oeste (3), Corumbá (2), Anastácio (2) e Aquidauana, Bandeirantes, Caarapó, Sidrolândia e Tacuru, com um registro cada uma.

Diferente dos últimos anos, nenhuma morte por gripe A foi registrada no Estado. No auge da epidemia, no ano passado, 29 pessoas morreram em decorrência da doença.

(*) Correio do Estado

Do início do ano, 71 casos de pessoas com suspeita de contaminação pelo vírus influenza H1N1. (Foto: Divulgação)

Comentários