04/07/2017 13h55

Prefeitura prorrogou o prazo para construção da sede da entidade por dois anos

Redação

Uma cerimônia marcante foi realizada na tarde desta segunda-feira (3) para lançamento da pedra fundamental da futura sede do Sindicato dos Servidores Públicos Municipal (SSPM). As instalações serão na Rua Manoel Pedro de Campos, próximo ao cruzamento com a Rua João Dantas Filgueiras.
Entre os presentes no evento e sem dúvida a mais emocionada, estava a senhora Maria Tereza Catanante de 90 anos de idade. Maria é mãe da primeira presidente da SSPM. Sua filha, Rosa Maria Catanante, foi eleita em 3 de março de 1990 e fez um mandato marcante à frente do sindicato, como foi explanado durante a homenagem a família de Rosa que foi servidora municipal entre os anos de 1979 e 2004, quando se aposentou. Rosa faleceu recentemente.

A construção da sede do sindicato será feita em um terreno cedido pela prefeitura. Aprovada em 2014, a sessão de 30 anos contou com uma cláusula que dava o prazo de três anos para ser construída. Como a obra não iniciou no prazo, a Administração Municipal, sensível à necessidade da construção da sede do sindicato, prorrogou o prazo para edificação do imóvel para mais dois anos.

O presidente do sindicato agradeceu ao Prefeito pela prorrogação do prazo para conclusão das obras. “O Guerreiro é oriundo da classe trabalhadora e simboliza o homem do campo, entendo que esse é um dos motivos que o sensibilizou com a causa dos trabalhadores”, frisou Modesto.

A Câmara Municipal também foi importante no processo de concretização do sonho da SSPM, os vereadores aprovaram a lei que permitiu a prorrogação do prazo da construção da sede. “Parabéns ao Prefeito pela iniciativa e aos demais vereadores que aprovaram essa lei que possibilitará a construção desse espaço”, disse o vereador Sargento Rodrigues (PSC), representando a Câmara Municipal.
Na sua fala, o Prefeito Angelo Guerreiro ressaltou a importância da união das forças pra construção do bem comum. “Um sonho que se sonha só, é só um sonho. Sonho que se sonha junto é uma realidade”, refletiu Guerreiro.

A expectativa de Modesto é que a sede, que será construída com recursos próprios do sindicato, seja inaugurada no dia 13 de março de 2018. Exatos 28 anos após a formação da primeira diretoria, àquela época a Prefeitura contava com apenas 281 servidores.

(*) Assessoria de Comunicação Prefeitura de Três Lagoas

A construção da sede do sindicato será feita em um terreno cedido pela prefeitura (Foto/Assessoria)

Comentários