07/04/2015 15h31 – Atualizado em 07/04/2015 15h31

Enquanto Energisa anuncia reajuste de 3,22% na conta da Luz, Elektro afirma que ainda não vai aumentar a tarifa

Cinco cidades do Bolsão Sul-mato-grossense, incluindo Três Lagoas, não vão ter reajuste na conta de luz, garante a Elektro

Léo Lima

Anaurilândia, Santa Rita do Pardo, Brasilândia, Selvíria e Três Lagoas, servidas pela Elektro, não serão atingidas pelo nova reajuste tarifário no consumo de energia elétrica, como ocorrerá, a partir desta quarta-feira (08), em outros municípios de Mato Grosso do Sul atendidos pela Energisa, que assumiu o controle da Enersul (distribuidora do Estado).

De acordo com a assessoria do Concen (Conselho de Consumidores da Energisa MS), as tarifas ficarão em média 3,22% mais caras, conforme decisão homologada na manhã de ontem (07) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O impacto será de 3,64% para consumidores de alta tensão e de 3,02% para os de baixa.

“O reajuste, bem abaixo das expectativas iniciais, foi possível porque o valor do kwh já foi reposicionado na RTE e também devido ao prolongamento do prazo para pagar empréstimos que as distribuidoras de energia obtiveram no mercado para cobrir os gastos com o uso das termelétricas, solicitação central do Concen, formalizada em 29 de janeiro, quando protocolamos uma carta junto à Aneel”, avalia a presidente do Concen, Rosimeire Cecília da Costa.

Em 2014 o reajuste médio das tarifas para os consumidores da Enersul foi de 14,24%. Em primeiro de março deste ano (2015), entrou em vigor o reajuste médio de 27,86% referente à Revisão Extraordinária Tarifária (RTE).

ELEKTRO

Uma das maiores distribuidoras de energia elétrica do Brasil, a Elektro, que atende a 228 cidades, sendo 223 em São Paulo e 5 no Mato Grosso do Sul, abrangendo 120 mil quilômetros quadrados de área de atuação, garante que seu reajuste anual ocorrerá somente no dia 27 de agosto.

“Não há nenhuma alteração nas tarifas da Elektro no momento”, afirmou a assessoria de imprensa da empresa, em mensagem enviada ao Perfil News na tarde de ontem.

Dessa forma, os consumidores das cidades de MS atendidas pela Elektro não sofrerão, neste momento, um aumento na conta de luz como deve ocorrer em outros municípios do Estado.

Comentários